Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Larcamón explica por que Moreno não atuará pelo Cruzeiro

Atacante chegou a treinar na Toca da Raposa e deu esperanças à torcida de que pudesse entrar em campo mais uma vez com a camisa do...

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

A volta de Marcelo Moreno ao Cruzeiro deixou a torcida na esperança de ver ídolo em campo mais uma vez com a camisa celeste. Contudo, o anúncio de que seria homenageado antes da finalíssima do Campeonato Mineiro diante do Atlético-MG, no próximo domingo, sem entrar em campo para jogar, frustrou alguns torcedores. Diante deste cenário, o técnico Nicolás Larcamón explicou a situação.

O atacante teve as portas abertas para treinar na Toca da Raposa, com a chance de participar de um jogo festivo. Ele chegou a ser inscrito no BID da CBF com contrato de três meses, o mínimo que a legislação permite. No entanto, a possibilidade de jogar mais uma vez pelo Cruzeiro não avançou.

“O comunicado do clube foi muito claro, não sei porque alguns torcedores acham que ele tem alguma possibilidade de jogar na competição. Foi um pedido de um ídolo que marcou a história do clube, e todos queriam dar a ele a oportunidade de fechar a carreira com as cores do Cruzeiro. Ele solicitou isso, e eu achei mais do que merecido”, declarou Larcamón.

Antes de a bola rolar para Cruzeiro x Atlético, no Mineirão, Moreno receberá inúmeras homenagens do clube onde é ídolo. Posteriormente, ele terá um jogo de despedida pela Bolívia

Publicidade

Moreno demonstra gratidão pela Raposa

“Eu tenho uma gratidão enorme por esse clube. Estou muito feliz de ter essa oportunidade, de poder encerrar a minha carreira aqui. Espero que vocês possam estar na minha despedida no dia 7, na segunda final do Mineiro. Tomara que a gente possa se despedir como eu mereço, como o Cruzeiro merece, com toda a minha torcida que gritou os meus gols, com muita dedicação”, declarou Moreno, em entrevista coletiva na última semana.

Na ocasião, o ex-jogador detalhou como será sua despedida pela Celeste.

Publicidade

“Uma despedida antes do clássico. Uma hora e meia antes, duas horas. Para que eu possa me despedir da minha torcida e a gente possa encerrar essa quarta passagem com o torcedor cruzeirense como a gente merece. Eu acho que não existe essa possibilidade de eu ficar no banco ou não, essa questão de ficar no banco depende totalmente do treinador, mas minha vontade foi voltar para me despedir da torcida”.

Moreno, aliás, já encerrou a carreira no fim do ano passado. Ele não atua desde dezembro após finalizar seu contrato com o Independiente del Valle, do Equador. É o maior artilheiro da seleção boliviana, com 31 gols.

Publicidade

Histórico do jogador no Cruzeiro

Marcelo Moreno atuou no Vitória, da Bahia, antes de chegar ao Cruzeiro. Em 2007, foi contratado pela Raposa e fez história. Em um ano, disputou 36 jogos e marcou 21 gols. Posteriormente, em 2008, foi vendido ao Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, por 9 milhões de euros.

Em 2014, retornou ao Cruzeiro emprestado pelo Grêmio. Já em 2020, voltou à Raposa após o rebaixamento para a Série B. Aliás, na ocasião, com vários problemas financeiros que o clube vivia, o jogador emprestou R$ 18 milhões para a agremiação.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.