Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Larcamón assume a culpa por vexame do Cruzeiro: ‘Servirá de motivação’

Treinador não culpa estado do gramado pela eliminação precoce frente ao Sousa na primeira fase da Copa do Brasil

Jogada 10|

Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro
Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro (Jogada 10)

O técnico Nicolás Larcamón não culpou o gramado pela eliminação precoce do Cruzeiro e assumiu a responsabilidade após a derrota por 2 a 0 para o Sousa, da Paraíba, na noite desta quarta-feira (21/2), pela primeira fase da Copa do Brasil.

“Não corresponde a mim falar do gramado, cujas condições eram evidentes. Como eu estou aqui representando essas cores, não tenho o que falar das condições. Tenho que me responsabilizar por essa atuação. Esse resultado é uma cicatriz que nos dará muita força para o restante do ano”, iniciou o argentino.

De acordo com ele, o resultado vexatório servirá de motivação para o elenco celeste, que terá pela frente a fase final do Campeonato Mineiro, além das disputas da Copa Sul-Americana e do Brasileirão.

“Se preciso responsabilizar alguém, que seja eu e que toda a bronca sirva de combustível. Não é o fim do trabalho”, acrescentou Nico.

Publicidade

Larcamón evitou aprofundar sua análise sobre a partida e tratou de relembrar o histórico vitorioso da Raposa na Copa do Brasil. Afinal, o clube é o maior campeão, com seis conquistas. Por fim, o comandante celeste pediu desculpas aos torcedores, tamanha a frustração pelo tropeço inesperado.

“Não quero falar sobre análises do jogo, isso fica para a imprensa. O Cruzeiro tem uma história gigante, sobretudo nesta competição, e hoje (quarta) ter esse resultado é doloroso. Era o objetivo de todo o grupo ir longe nessa competição, e peço desculpas à toda a torcida”, encerrou.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.