Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Landim revela conversa com Gabigol sobre futuro no Flamengo

Presidente do Flamengo afirmou recentemente que atacante rubro-negro sofreria uma perda de imagem se saísse do clube

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

Foto: Gilvan de Souza / CRF

Gabigol pode estar vivendo seus últimos momentos no Flamengo. O atacante vem tendo reuniões com os dirigentes rubro-negros, mas as partes ainda não acertaram uma renovação de contrato. O camisa 10 tem vínculo no clube até dezembro de 2024.

LEIA MAIS: Tite reconhece má atuação do Flamengo contra o Botafogo

Futuro de Gabigol no Flamengo

Publicidade

Rodolfo Landim afirmou recentemente que Gabigol sofreria uma perda de imagem se saísse do Flamengo. Na visão do presidente, jogar durante boa parte da carreira no clube tem um impacto significativo para torcida rubro-negra.

“O que eu falei para o Gabriel foi o seguinte: “O Zico é o maior ídolo do Flamengo, e para a imagem dele foi muito importante o fato de só ter jogado no Flamengo no Brasil”. Afinal, você vê outros grandes jogadores que passaram pelo Flamengo e não estão nem entre os dez maiores. Para mim, deveriam estar ali entre os ídolos. Mas, como jogaram em outros clubes, não estão. Para a torcida, o jogador ter passado a maior parte da carreira aqui é muito importante”, disse Rodolfo Landim ao “ge”.

Publicidade

“Eu não entendo que exista lugar nenhum melhor para ele continuar a carreira do que no Flamengo. Por quê? Além dos anos que ele vai ter de salário jogando futebol, vai poder usufruir dessa idolatria de ter sido ídolo desse período muito vencedor do Flamengo. No fundo, é essa a mensagem que eu passo: sair do Flamengo para jogar em qualquer outro clube. Afinal, ele pode ganhar mais ou menos a mesma coisa ou o mesmo dinheiro. No entanto, ele perde a oportunidade de poder usar no futuro muito da imagem por ser muito atrelado ao maior clube do Brasil”, completou Rodolfo Landim.

Suspensão de Gabigol

Publicidade

O atacante está suspenso por tentar fraudar um exame antidoping. O camisa 10, desse modo, vem sendo desfalque nos últimos jogos da temporada. No entanto, para Rodolfo Landim, esta punição é completamente desproporcional.

“Enquadrar isso como fraude ao processo e por isso penalizá-lo com dois anos de suspensão me parece algo completamente desproporcional. Acho até que dar uma advertência ao jogador, uma multa… Mas fazer isso com um jogador que tem um período de carreira curto, dar uma penalidade que tira dois anos da vida profissional de um atleta… Me parece completamente desproporcional”, afirmou Rodolfo Landim.

Com duas Libertadores, dois Brasileiros, uma Copa do Brasil, duas Supercopas, uma Recopa e quatro Cariocas, Gabigol está marcado na história do Flamengo. No entanto, os próximos meses podem ser determinantes para imagem do atacante no clube. O camisa 10 vem sendo monitorado por outros clubes e pode ter um novo destino no futebol brasileiro em 2025.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

 

 

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.

<