Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Iniesta detona Rubiales no coro contra o dirigente espanhol

Ídolo da Espanha, Iniesta lamentou como a atitude "que não se pode tolerar" de Rubiales ofuscou a conquista da seleção

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

Jogada10
Jogada10 Jogada10

O ex-jogador Andrés Iniesta, ídolo na Espanha, se manifestou sobre o escândalo envolvendo o presidente da Real Federação Espanhola de Futebol, Luis Rubiales. Afinal, o dirigente já foi até suspenso pelo Comitê Disciplinar da Fifa após a repercussão negativa, em escala mundial, do beijo forçado que ele deu na atacante Jenni Hermoso. Foi durante a cerimônia de premiação da Copa do Mundo feminina, que a Espanha venceu. Dessa forma, pelas redes sociais, Iniesta falou da tristeza com o caso, se apresentando como “pai de 3 filhas, marido e jogador”.

“Não podemos tolerar atitudes como as que temos visto, que mancharam um marco tão grande como a conquista de uma Copa do Mundo”, ele disse.

Escândalo ofuscou conquista

Iniesta destacou o quanto um ato intolerável pode deixar em segundo plano o esforço e o mérito da equipe. Afinal, diante da atitude de Rubiales, a repercussão (que seria altamente positiva) da premiação acabou sendo prejudicada.

“Não consigo imaginar a sensação que as jogadoras da selecão devem ter neste momento, vendo que não falam do grande torneio que fizeram e do futebol fantástico que ensinaram a todos”, afirmou, lamentando que o abuso de Rubiales tenha causado um desvio de foco no noticiário.

Publicidade

Iniesta ressalta falta de reconhecimento do erro

Na mensagem no Twitter, Iniesta ressaltou, ainda, a falta de consciência do dirigente espanhol ao não reconhecer o erro. Assim, ele enfatizou que, pelo menos, deveria haver um pedido de desculpas.

“É uma pena que uma bela história que muitas jogadoras construíram ao longo de tantos anos tenha se tornado suja. Temos de aturar um presidente que se agarrou à sua posição, que não admitiu que o seu comportamento foi inaceitável e que prejudica a imagem do nosso país e do nosso futebol em todo o mundo”, concluiu.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.