Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Guilherme diz que trabalho interno levou Santos à final

Atacante, autor de um gol e uma assistência na vitória do Peixe sobre o Bragantino, nesta quarta-feira (27), exalta mentalidade forte...

Jogada 10|

Foto: Divulgação/Santos
Foto: Divulgação/Santos Foto: Divulgação/Santos (Jogada 10)

O Santos garantiu sua presença na final do Campeonato Paulista ao vencer o Bragantino por 3 a 1 na Neo Química Arena nesta quarta-feira (27). Guilherme, atacante do time, foi um dos destaques ao marcar um gol e fornecer uma assistência para Joaquim.

Após o jogo, Guilherme refutou a ideia de que a chegada à final do estadual seja uma surpresa. Para ele, a conquista da vaga inegavelmente é resultado do árduo trabalho de todo o elenco desde a pré-temporada.

“Não vou dizer que é algo inesperado. O Santos é um clube com uma história rica, vencedora, de grande porte. Isso não acontece por acaso. Quem veste essa camisa entende a responsabilidade. Independentemente da fase, o Santos entra em campo para vencer, para ir longe. Dentro do clube, não há surpresas. É o resultado de muito esforço. Temos um grupo novo que tem se dedicado bastante. Pode ser surpreendente para quem está de fora, mas não para nós aqui dentro. Mantendo a humildade desde o início. Não sabemos quem será nosso adversário. O importante é que o Santos está na final do Campeonato Paulista.”

Guilherme destaca Pedrinho

Guilherme também elogiou seu companheiro Pedrinho. Após um início de temporada irregular, onde perdeu a titularidade, Pedrinho substituiu Otero e contribuiu com duas assistências.

Publicidade

“Pedrinho é um rapaz que tem trabalhado muito. Tenho conversado bastante com ele. Ele tem uma mente positiva, tem se dedicado nos treinos, nos ajudou. Hoje, fez duas assistências. Ele merece, assim como todo o grupo. Ele é um cara legal, merece. E também a torcida. Todos estão de parabéns.”

O atacante santista, ademais, também discorreu sobre o segredo para a equipe chegar à final. Para ele, em resumo, a ideia de reconstrução que o clube enfrenta nesta temporada foi assimilada por todos os jogadores.

Publicidade

“Antes de tudo o segredo é uma palavra que ouvimos muito durante a pré-temporada. Reconstrução. Estamos lidando com a reconstrução de um clube gigante, estamos no Santos, foi fácil para todos assimilarem isso. O treinador explicou, e, em suma, todos compraram a ideia. Todos entenderam que estamos reconstruindo um grande clube, que estamos vestindo essa camisa. Quando entramos em campo, damos o nosso máximo, e é por isso que estamos na final do Campeonato Paulista.”

Agora, o Santos aguarda o vencedor do confronto entre Palmeiras e Novorizontino para conhecer seu adversário na final. As equipes, por fim, se enfrentam nesta quinta-feira, às 21h35, no Allianz Parque.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.