Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Grupo político do Flamengo se manifesta contra renovação de Gabigol

FlaFut acredita que não há qualquer justificativa para antecipar a negociação e realizar um alto investimento

Jogada 10

Jogada 10|Do R7


-  Alexandre Vidal/Flamengo
Grupo político do Flamengo critica performance de Gabigol (Foto: Thiago Ribeiro/ Agif/Gazeta Press)

Com a chegada de Tite, o Flamengo começa a traçar a reformulação do elenco para 2024 e a renovação de Gabigol está bem encaminhada. O clube decidiu antecipar essa negociação, visto que o contrato do camisa 10 se encerra no fim de 2024. Diante disso, pessoas de dentro da instituição têm criticado a gestão de Rodolfo Landim. Entre os mais fervorosos, está o grupo FlaFut, que se manifestou contrário à extensão do vínculo até o fim de 2028.

Esse grupo político era apoiador do atual mandatário, entretanto tem adotado uma postura mais para o lado da oposição nos últimos meses. De acordo com visão deles, não há qualquer justificativa para antecipar a negociação e realizar um alto investimento. Caso ambas as partes selem o acordo, o jogador alcançará a marca de 10 anos no clube.

Veja a nota na íntegra

“O Grupo FlaFLUT espera que o atleta Gabriel Barbosa seja homenageado pelo Flamengo com uma estátua na Gávea, rendendo-lhe todas as homenagens por tudo que fez para a história do nosso clube! Gols em finais de Libertadores somente Gabigol e Zico fizeram! Nunca esqueceremos!

O grupo FlaFUT espera que a atual diretoria não renove o contrato do atleta Gabriel Barbosa por valores acima dos atuais, já exorbitantes, e por tempo que engesse decisões futuras de outras diretorias. Não há justificativa para renovação em face da atual performance do jogador.

Publicidade

As partes técnica, física, mental e disciplinar de Gabigol estão claramente aquém do que foi contratado para entregar. E já entregou. A diretoria deveria adequar o novo contrato para um patamar mais adequado ao rendimento, introduzindo metas e premiações por desempenho.

Caso apareça outro clube, de menor expressão, com proposta oficial cobrindo o valor oferecido pelo Flamengo, o FlaFUT será o primeiro a se manifestar em defesa da diretoria.”

Publicidade

Ídolo e recordes

O atacante foi um dos primeiros reforços da gestão de Landim no Flamengo, no início de 2019. Na época, chegou por empréstimo junto a Inter de Milão. Logo em sua primeira temporada, Gabigol marcou os dois gols da virada épica sobre o River Plate, que tirou o Flamengo da fila e carimbou o tão sonhado bicampeonato da Libertadores.

Desde então, o atacante já ergueu a taça em 11 oportunidades, com 153 gols em 264 jogos. Assim, se tornou o sexto maior artilheiro da história do clube e sacramentou seu nome entre um dos maiores ídolos da história do clube.

Publicidade

Depois do clube efetuar a compra de 90% dos direitos do artilheiro, em 2020, ele voltou a ser decisivo dois anos depois. Em Guayaquil, foi o camisa 10 que selou o tri da Libertadores sobre o Athletico-PR. Apesar de não ter tido uma boa temporada, a diretoria não quer perder um jogador decisivo e com identificação com a torcida.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.