Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Grêmio e Operário empatam e deixam definição na Copa do Brasil para a volta

Em jogo equilibrado em Ponta Grossa, equipes não saem do zero no Germano Krüger. Grêmio e Operário voltam a se enfrentam no fim de...

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

Foto: @andreoito OFEC

Tudo igual em Ponta Grossa. O Grêmio visitou o Operário nesta terça-feira pelo jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil, mas as equipes empataram no Estádio Germano Krüger. Em jogo equilibrado, com chances para os dois lados, ninguém balançou as redes e a partida terminou em 0 a 0.

Dessa forma, com o resultado, a definição da vaga para as oitavas de final fica para o duelo de volta. Quem vencer se classifica e segue no torneio. Em caso de qualquer empate, a classificação será definida nos pênaltis, afinal o critério do gol fora de casa deixou de valer.

Primeiro tempo

Publicidade

Os donos da casa tiveram mais posse de bola na etapa inicial, mas foi o Grêmio quem chegou com mais perigo. O time gaúcho assustou primeiro na bola parada, com Gustavo Martins de cabeça após cobrança de escanteio, mas o goleiro Rafael Santos fez boa defesa. As melhores escapadas do Tricolor eram com Galdino, que se movimentou bastante. Já na reta final, Cristaldo recebeu de Galdino em profundidade e tentou de carrinho, mas não conseguiu tocar com força na bola. Na sequência, Diego Costa limpou a marcação e tocou para Cristaldo bater forte. A bola, contudo, bateu na rede pelo lado de fora.

Segundo tempo

Publicidade

Se o Operário assustou pouco no primeiro tempo, a segunda etapa começou diferente. Logo com um minuto, Cássio Gabriel, que entrou no intervalo, recebeu de Ronaldo e ficou cara a cara, mas mandou por cima. O Grêmio tentou assumir as rédeas da partida na sequência, porém sem muito sucesso. O Fantasma voltou a levar perigo aos 19, após jogada pela direita. Cássio Gabriel cruzou na segunda trave, e Maxwell, sozinho, cabeceou na trave. A bola bateu em Edenílson e voltou nas mãos de Caíque. A arbitragem, porém, assinalou impedimento em lance que foi ajustado e iria para o VAR caso entrasse. O técnico Renato mexeu no time e colocou Nathan Fernandes, que melhorou o poder de fogo gremista. Ele fez jogada pela direita e chutou para o meio em lance que quase acabou em gol contra, mas o goleiro Rafael defendeu. No fim, as duas equipes se resguardaram.

Sequência

Publicidade

Operário e Grêmio voltam a se enfrentar na Copa do Brasil somente no dia 22 de maio, em Porto Alegre. No fim de semana, pelo Campeonato Brasileiro, o Fantasma encara o Vila Nova pela Série B, enquanto o Imortal tem compromisso com o Criciúma pela Série A.

OPERÁRIO 0 X 0 GRÊMIO

Copa do Brasil 2024 – Terceira fase – Jogo de ida
Data:
30/04/2024, às 20h (de Brasília)
Local: Estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa (PR)
Público: 6.088 torcedores
Renda: R$ 322.785,00
OPERÁRIO: Rafael Santos; Pacheco, Alemão, Willian Machado e Pará (Lucas Hipólito, intervalo); Rodrigo Lindoso, Vinícius Diniz (Pedro Lucas, 29’/2ºT) e Dudu Scheit (Cássio Gabriel, intervalo); Felipe Augusto (Maxwell, intervalo), Marcelo Cirino (Guilherme Pira, 20’/2ºT) e Ronaldo. Técnico: Rafael Guanaes
GRÊMIO: Caíque; João Pedro (Edenílson, intervalo), Gustavo Martins (Rodrigo Ely, 21’/1ºT), Natã e Zé Guilherme; Villasanti, Pepê (Dodi, intervalo) e Cristaldo (Nathan Fernandes, 20’/2ºT); Galdino, Gustavo Nunes e Diego Costa (JP Galvão, 35’/2ºT). Técnico: Renato Portaluppi
Gols:
Árbitro: Jefferson Ferreira de Moraes (GO)
Auxiliares: Tiago Gomes da Silva (GO) e Hugo Savio Xavier Correa (GO)
VAR: José Claudio Rocha Filho (Fifa-SP)
Cartão Amarelo: Willian Machado (OPE); Pepê, Diego Costa, Dodi, Villasanti (GRE)
Cartão Vermelho:

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.