Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Goleiro espanhol vive polêmica por posse de raça de cachorro proibida na Inglaterra

David Raya, do Arsenal, é acusado de treinar o XL Bully para evitar entrada de ladrões em sua casa

Jogada 10|

Foto: Reprodução/Instagram
Foto: Reprodução/Instagram Foto: Reprodução/Instagram (Jogada 10)

David Raya, goleiro espanhol titular do Arsenal e convocado pela Espanha para enfrentar a Seleção Brasileira no amistoso nesta Data Fifa de março, vive uma polêmica extracampo na Inglaterra. Isto porque a imprensa britânica descobriu que ele possui um cachorro da raça XL Bully, que foi proibido no Reino Unido em 2023.

De acordo com informações do jornal ‘The Sun’, Raya treinou o cachorro, apelidado de ‘Goku’, para proteger a casa e evitar a entrada de ladrões, após uma sequência de roubos de residências de jogadores de futebol no país.

No entanto, Reyna concedeu uma entrevista à imprensa local e negou que tenha adestrado o cachorro para impedir que entrem em sua casa.

“É uma raça que ficou ilegal no país. Eu o peguei há um ano, estou adestrando para ser um bom cachorro, um cachorro de casa e que nos faça companhia. Eu não o estava adestrado para que ninguém tentasse entrar na minha casa”, disse o goleiro espanhol.

Continua após a publicidade

Ao mesmo tempo, o ‘The Sun’ afirma que Rayne precisa pagar 20 mil libras (cerca de R$ 127 mil) para obter um certificado de “proprietário responsável” e fazer um treinamento com o cachorro junto a uma empresa especializada.

LEIA MAIS:Portugal x Suécia: escalações e onde assistir

Continua após a publicidade

Em outubro, o XL Bully acabou sendo adicionada a uma lei que proíbe a adoção de certas raças de cachorros devido a ataques registrados. Dessa forma, esses cães devem usar focinheira e permanecer mantidos em coleira em locais públicos.

Siga o Jogada10 nas redes sociais:TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.