Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Fortaleza vence Juventude e dá salto importante na tabela do Brasileirão

Laion mostra força da Arena Castelão, chegando à quarta vitória seguida em seu estádio; time agora é sétimo e já mira nos líderes

Jogada 10

Jogada 10|Do R7


Foto: Fernando ALves/ECJ

O Fortaleza fez uso da força da Arena Castelão para vencer o Juventude, neste domingo (30), e subir na tabela do Brasileirão. Com gols de Lucero e Pikachu, o Laion venceu por 2 a 1, chegando à sétima posição do torneio, com 20 pontos, e mirando os líderes. Ewerton descontou para o Jaconero, que fica em 12º, com 16 pontos.

Esta foi a quarta vitória seguida do time cearense em seus domínios. Após empatar as três primeiras partidas no Castelão, a equipe de Juan Pablo Vojvoda disparou, aproveitando 100% dos pontos nas últimas quatro partidas diante seu torcedor.

O jogo

O duelo começou logo com uma polêmica, aos 15′, quando Breno Lopes invadiu a área e foi derrubado por Jadson, com Rodrigo José Pereira de Lima (PE-FIFA) marcando pênalti. O auxiliar Francisco Chaves Bezerra (PE), porém, anotou impedimento. Após análise do VAR, Pereira de Lima confirmou a penalidade, já que o atacante do Fortaleza não estava além do penúltimo defensor.

Publicidade

Lucero foi para a bola e bateu sem chances para Gabriel, aos 20′, chegando aos cinco gols e se igualando a Pedro (Flamengo), Everaldo (Bahia), Willian Oliveira (Vitória), Paulinho (Atlético-MG) e Vegetti (Vasco) na artilharia do Brasileirão.

Nos acréscimos, Yago Pikachu tratou de dobrar a vantagem do Laion. Pochettino deu passe rasteiro espetacular, de antes do meio-campo, deixando o Pokémon com o campo livre. O camisa 22 avançou, sem marcação alguma, e só tirou do goleiro Gabriel para fazer 2 a 0.

Publicidade

 

Publicidade

LEIA MAIS: Santos apresenta oferta por Gabigol

Segundo tempo

A volta para a segunda etapa teve mexidas de Roger Machado, que trocou no ataque. Levou a campo Gilberto e Ewerton, retirando Taliari e Erick – jogadores pouco producentes na primeira metade.

Mas quem assustou foi o Fortaleza, em uma sequência de finalizações. Primeiro, com Breno Lopes, de fora da área, obrigando Gabriel a espalmar para escanteio. Após duas cobranças seguidas, Pikachu botou na cabeça de Tinga, que acertou o travessão. Na sobra, Brítez também cabeceou, mas no susto, para a defesa de Gabriel.

O Juventude resolveu acordar. Com a entrada de Nenê, o time melhorou em campo e chegou ao seu primeiro gol, com Ewerton. Cruzamento de João Lucas pela direita e testada firme do atacante, que entrara no intervalo, para descontar, aos 28′. O próprio Nenê quase empatou no lance seguinte. João Ricardo, porém, desviou para fora.

O time gaúcho pressionou pelo empate, tentando encurralar o Fortaleza em seu campo de defesa. Mas o Laion foi guerreiro e conseguiu suprir a pressão para sair (novamente) da Arena Castelão com os três pontos.

Próximos passos

Com mais uma vitória, o Fortaleza dá um salto de qualidade na tabela, subindo quatro posições: agora é o sétimo, com 20 pontos. Na próxima rodada, vai ao Rio de Janeiro para enfrentar o Vasco, em São Januário, na quarta-feira (3), às 20h (de Brasília).

O Papo, no entanto, estaciona na 12ª posição, com 16 pontos. A equipe jaconera segue sem saber o que é vencer fora de casa no Brasileirão (dois empates e quatro derrotas em seis jogos). Seu próximo compromisso, pela 14ª rodada, será novamente como visitante, ao enfrentar o Bahia, na Arena Fonte Nova, na quinta (4), às 19h.

FORTALEZA 2 x 1 JUVENTUDE

Brasileirão-2024 – 13ª rodada
Data e horário: domingo, 30/06/2024, às 16h (de Brasília)
Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)
Gols: Lucero, 20’/1ºT (1-0); Yago Pikachu, 45+2’/1ºT (2-0); Ewerton, 28’/2ºT (2-1)
FORTALEZA: João Ricardo; Tinga, Brítez, Titi e Felipe Jonatan; Lucas Sasha, Hércules e Pochettino (Bruno Pacheco, 25’/2ºT); Yago Pikachu (Dudu, 44’/2ºT), Breno Lopes (Renato Kayzer, 37’/2ºT) e Lucero (Matheus Rossetto, 44’/2ºT). Técnico: Juan Pablo Vojvoda
JUVENTUDE: Gabriel; João Lucas, Danilo Boza, Zé Marcos e Gabriel Inocêncio; Caíque, Jadson (Mandaca, 33’/2ºT) e Jean Carlos (Nenê, 22’/2ºT); Lucas Barbosa (Ruan, 33’/2ºT), Erick Farias (Ewerton, intervalo) e Gabriel Taliari (Gilberto, intervalo). Técnico: Roger Machado
Árbitro: Rodrigo Jose Pereira de Lima (PE-FIFA)
Assistentes: Francisco Chaves Bezerra Junior (PE) e Clovis Amaral da Silva (PE)
VAR: Rafael Traci (RS)
Cartões amarelos: Yago Pikachu, Lucas Sasha (FOR)
Cartões vermelhos: –

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.

<