Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Fluminense espera bom desempenho como visitante, pesadelo do clube em 2023

Tricolor pega o Bahia nesta terça-feira, fora de casa, pelo Brasileirão. No ano passado, Fluminense foi o terceiro pior visitante do...

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

Foto: Lucas Merçon/Fluminense

O Fluminense encara o Bahia nesta terça-feira, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro 2024, e inicia sua caminhada como visitante na competição. E depois de campanhas distintas nas últimas duas temporadas atuando fora de casa, o time de Fernando Diniz quer deixar a impressão de 2023 para trás.

No ano passado, afinal, quando terminou o Brasileirão na sétima colocação, o Tricolor teve a terceira pior campanha como visitante do torneio. Em 19 jogos, o Fluminense venceu apenas três e empatou quatro, com incríveis 12 derrotas. O clube carioca só foi superior no quesito ao São Paulo e ao América-MG.

Se a campanha em 2023 não foi nada boa, não dá para dizer o mesmo de 2022. Também com Fernando Diniz, o Fluminense foi o extremo oposto quando saiu do Rio de Janeiro. Há dois anos, o Tricolor teve a segunda melhor campanha jogando fora de casa, atrás apenas do Palmeiras, que acabou como campeão, aliás. Em 19 jogos, o time de Laranjeiras teve nove vitórias, quatro empates e seis derrotas.

Publicidade

Nesta temporada, sem contar os jogos do Campeonato Carioca, o Fluminense jogou duas vezes como visitante, mas ainda não venceu. Na Recopa Sul-Americana, derrota para a LDU (EQU) em Quito. Já na estreia da Libertadores, empate com o Alianza Lima (PER) na capital peruana.

A missão agora, porém, é agora deixar 2023 para trás no quesito jogar como visitante e fazer algo semelhante ao que aconteceu em 2022. O primeiro desafio será nesta terça-feira, na Arena Fonte Nova, em Salvador.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.