Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Fluminense divulga balanço financeiro de 2023, ano da conquista da Libertadores

Tricolor teve receita de R$ 695 milhões, com valor dividido em três categorias: operacional (R$ 451 milhões), venda, mas dívida volta...

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

- Foto: Lucas Merçon/Fluminense (Lucas Mercon)

O Fluminense divulgou o demonstrativo financeiro referente ao ano de 2023. Assim, a receita total do Tricolor foi de R$ 695 milhões, com o valor dividido em três categorias: operacional (R$ 451 milhões), venda de intangível (R$ 213 milhões) e financeiras (R$ 31 milhões). No entanto, a dívida total do clube carioca voltou a subir: foi de R$ 793,313 milhões para R$ 822,993 milhões.

De acordo com o documento, auditado pela Mazars Auditores Independentes, o crescimento da receita operacional aconteceu em virtude do aumento das receitas com direitos de transmissão e performance (83%). Além do programa de sócio-torcedor e bilheteria (155%) e de patrocínio (de R$ 32 milhões para R$ 50 milhões).

O clube carioca, portanto, fechou o ano de 2023 com superávit de R$ 78 milhões, superando o lucro de R$ 7 milhões no período anterior (2022). Nos dois anos anteriores, em 2020 e 2021, houve déficit de R$ 2,9 milhões e R$ 2 milhões, respectivamente.

Publicidade

Pontos importantes do balanço

No documento, o clube mostrou que houve redução das receitas com transferência de atletas e mecanismos de solidariedade (-83%). Por outro lado, teve um aumento de R$ 125.811 (83%) das receitas com direitos de transmissão e performance, especialmente em razão da conquista da Copa Libertadores.

Publicidade

Além disso, o crescimento de R$ 49.399 (155%) das receitas com o programa de sócio-torcedor e bilheteria, em conjunto (de R$ 22 milhões para R$ 56 milhões e de R$ 21,5 milhões para R$ 32 milhões, respectivamente). E o aumento de R$ 17.078 (53%) das receitas com patrocínio (de R$ 32 milhões para R$ 50 milhões);

Aumento nos investimentos

Publicidade

O Fluminense também mostrou o aumento nos investimentos no futebol profissional em 2023.  No documento, também consta parte da transação pelos contratos dos direitos televisivos do Brasileirão de 2025 a 2074.

–  Gastos com salários, direitos de imagem, premiações e outros gastos com pessoal, que aumentaram R$ 115.239 (de R$ 208.711 para R$ 323.950). O clube explica o aumento pelo maior gasto com premiações, considerando a conquista da Libertadores;

– Gastos com transportes, jogos e competições, que aumentaram R$ 33.194 (de R$ 43.400 para R$ 76.594). O clube explica o aumento pela participação em mais jogos e viagens internacionais na Libertadores e no Mundial de Clubes.

Como a assinatura da Liga Forte Futebol Brasil (LFF), com 20% pelo valor de R$ 213.500. Do preço total, o clube recebeu cerca de R$ 122.194 durante o exercício de 2023, e o montante foi reconhecido como “outras receitas”.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

 

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.