Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Fluminense acumula números negativos como visitante desde 2023

Tricolor soma sete derrotas consecutivas fora de casa, porém desempenho longe do Rio já não era bom na última temporada

Jogada 10

Jogada 10|Do R7


- Foto: Marcelo Gonçalves/Fluminense

O Fluminense segue longe de seus domínios e terá que melhorar seu aproveitamento fora de casa para reagir no Campeonato Brasileiro. No entanto, as dificuldades em partidas longe do Rio de Janeiro não são exclusividade desta temporada, visto que também teve um baixo aproveitamento em 2023, mesmo com o título da Libertadores. No momento, são sete derrotas consecutivas, com dois gols marcados e 12 sofridos.

Dessa forma, se contabilizar as temporadas 2023 e 2024, o Tricolor tem aproveitamento de 16% nas 25 partidas que fez como visitante. No momento, são três vitórias, quatro empates e 19 derrotas, a última delas diante do Tricolor de Aço. O técnico Mano Menezes terá a tarefa de mudar um pouco esta realidade, visto que terá mais dois jogos seguidos fora de casa.

O primeiro deles acontece nesta quinta-feira (11), às 20h (de Brasília), contra o Criciúma, no Heriberto Hülse, pela 16ª rodada. O foco, portanto, é voltar a vencer, mesmo diante dos vários desfalques. Na sequência,  encara o Cuiabá, no dia 21, às 20h (de Brasília), na Arena Pantanal. Afinal, a CBF adiou o duelo com o Athletico por causa dos playoffs da Sul-Americana.

Publicidade

Entre os lesionados, estão Lelê, Manoel, Isaac, Lima e o uruguaio David Terans. Felipe Melo e Marcelo ainda não têm condições de estar em campo, enquanto Jhon Arias está na Copa América e Cano, suspenso. Por outro lado, o lateral-esquerdo Diogo Barbosa e o volante André voltam de suspensão.

Igualou o Furacão

Publicidade

A campanha do Fluminense tem acumulado recordes negativos, sobretudo quando o assunto são as atuações como visitante. O clube, nesse sentido, igualou o desempenho do Athletico-PR de 2011, que também perdeu seus sete primeiros compromissos na competição, fora de casa, na era dos pontos corridos.

Naquela época, o time paranaense perdeu os sete primeiros jogos fora da Arena da Baixada, com três gols marcados e 14 sofridos. O Furacão, portanto, desencantou diante do Atlético-GO, com um triunfo por 3 a 0, algo que o Tricolor tentará repetir nesta quinta-feira (11).

Publicidade

Da mesma forma que o clube carioca, o Athletico também trocou de treinador. Iniciou a campanha com Adilson Batista, seguiu com Renato Gaúcho e encerrou com Antônio Lopes. Por outro lado, a equipe não conseguiu se salvar do rebaixamento. Restam quatro jogos para o fim do turno, e o time de Laranjeiras tem a terceira pior campanha depois de 15 rodadas, atrás apenas de Avaí (2019) e Chapecoense (2021).

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

.

 

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.