Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Flamengo promete postura ofensiva na janela de transferências. Veja o cenário!

Diretoria rubro-negra mantém conversas por jogadores do futebol europeu. Saídas também podem acontecer no elenco

Jogada 10

Jogada 10|Do R7


Vincenzo Pinto/AFP via Getty Images e Divulgação - via Jogada 10

Líder do Campeonato Brasileiro, além de disputar os títulos da Libertadores e da Copa do Brasil, o Flamengo quer reforçar o seu elenco para ir em busca das três conquistas. Para a janela de transferência do meio do ano, que terá início nesta quarta-feira (10), a diretoria tem conversas por Marcos Antônio, Lucas Paquetá e Claudinho. O J10 mostra para você os cenários dessas negociações.

Dos três, o que está mais próximo de assinar com o Mais Querido é o jogador da Lazio. Marcos Antônio, de 24 anos, já chegou a um acordo com o Flamengo. Agora, a cúpula rubro-negra busca um acerto com o clube italiano.

Marcos Antônio deve assinar contrato de empréstimo por um ano, com obrigação de compra caso o jogador alcance algumas marcas. Os italianos solicitaram que o gatilho fosse o brasileiro atuar em 50% dos jogos durante o período. Os rubro-negros, no entanto, não aceitaram. A ideia de Marcos Braz e Bruno Spindel, dirigentes do Flamengo, seria algo referente à titularidade ou a condição do atleta atuar 90 minutos. Assim, a expectativa é que as partes cheguem a um acordo nos próximos dias.

A tendência é que o valor da obrigação de compra esteja entre cinco e seis milhões de euros (R$ 29,5 e R$ 35,4 milhões na cotação atual).

Publicidade

Negócio por Paquetá

O interesse do Flamengo por repatriar Lucas Paquetá agitou os torcedores nas redes sociais. O negócio, entretanto, se esbarra em um cenário delicado. Afinal, enquanto o clube carioca busca uma contratação por empréstimo, o West Ham, da Inglaterra, só aceita negociar o jogador em definitivo. A diretoria do Rubro-Negro, aliás, já sabe desse sinal e analisa preparar uma proposta.

Com o jogador correndo o risco de ser punido por má conduta em investigação sobre participação apostas em quatro jogos da Premier League, o Flamengo se cerca de cuidados jurídicos para avaliar o investimento para compra definitiva. Assim, se reuniu com advogados renomados no meio esportivo para compreender a situação jurídica do atleta em caso de punição.

Publicidade

Rubro-negros retomam conversas por Claudinho

No radar do Flamengo desde o ano passado, o nome de Claudinho voltou a ser recorrente nos corredores da Gávea. O clube carioca formalizou uma nova proposta ao Zenit, da Russia. Os valores estão próximos aos oferecidos em 2023: 15 milhões de euros (R$ 80 milhões na cotação da época).

O jogador, aliás, já demonstrou o desejo de retornar ao futebol brasileiro, visando a Seleção. Dessa forma, entende que o Flamengo pode ser uma boa vitrine.

Possíveis saídas

Enquanto faz movimentos para reforçar o elenco, a diretoria também trabalha com a possibilidade da saída de alguns jogadores. Gabigol e Wesley são alguns deles.

O atacante, com contrato até o fim do ano, tem conversas com o Palmeiras. O Alviverde, inclusive, já enviou um pré-contrato ao atleta. Entretanto, as partes buscam um acordo com o Flamengo para uma liberação em imediato. Uma das tentativas foi tentar envolver Dudu em uma troca. O palmeirense, no entanto, não gostou da ideia. Assim, a ideia foi descartada.

Além do Palmeiras, outros clubes, como Cruzeiro, Bahia e Grêmio, também observam o cenário do camisa 99 no Flamengo.

Já Wesley esteve na mira do Bornemouth, da Inglaterra. Os ingleses formalizaram uma proposta por 12 milhões de euros (R$ 71,2 milhões) pelo lateral. O Flamengo, por sua vez, recusou a primeira oferta. As partes ainda conversam por um desfecho positivo.

Garotos do Ninho também podem estar de saída

Além de Gabigol e Wesley, outros três atletas podem estar deixando o Flamengo. O Leixões, de Portugal, tem interesse em Diegão (zagueiro) e Werton (atacante). O clube português também pretende fazer a compra de Noga, que joga na equipe por empréstimo. O valor da opção de compra é de R$ 2,2 milhões.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.