Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Família de Daniel Alves celebra liberdade do ex-jogador

Daniel Alves ganhou liberdade provisória, mas terá de atender a uma série de critérios e pagar fiança de R$ 5,4 milhões

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

Foto: Reprodução/Instagram
Foto: Reprodução/Instagram Foto: Reprodução/Instagram (Jogada 10)

Os familiares do ex-lateral Daniel Alves comemoraram a liberdade provisória, concedida ao jogador, na última quarta-feira (20).

Inicialmente, pelas redes sociais, a mãe e o irmão do atleta celebraram a decisão da Justiça da Espanha e deram apoio ao jogador, condenado, em fevereiro, por estupro.

“Obrigada, meu Deus. Toda honra e glória meu senhor”, postou Maria Lucia Alves, mãe do jogador. Ela, aliás, em outro momento colocou várias fotos e outra legenda.

“A vitória chegou para honra e glória do senhor. Obrigada meu Deus. O que Deus uniu, ninguém pode separar”, concluiu ao postar diversas fotos do atleta com a família.

Publicidade

A mãe de Daniel Alves, aliás, tem utilizado bastante as redes sociais para falar sobre o caso. Ela, em determinado momento, chegou a revelar a identidade da mulher que acusou o jogador de estupro.

Irmão de Daniel Alves também posta

Ney Alves, irmão do jogador brasileiro, também usou as redes sociais para responder comentários feitos pela ex-ministra da igualdade da Espanha, Irene Monteiro. Ela criticou a liberdade do jogador.

Publicidade

“O próximo passo é provar a sua inocência, meu irmão”, postou Ney, que foi além.

“O mundo inteiro vai se arrepender da crueldade que fizeram com Daniel Alves”.

Publicidade

Ney finalizou dizendo que a acusação é uma mentira.

Daniel Alves foi condenado a quatro anos e meio de prisão pelo crime de estupro, contra uma mulher de 24 anos. O caso ocorreu no fim de dezembro de 2022, em uma boate na Espanha. O jogador foi preso no dia 20 de janeiro de 2023.

No entanto, Daniel terá de atender a uma série de critérios para deixar a cadeia. Afinal, não poderá chegar perto da vítima, terá de se apresentar a justiça semanalmente, não poderá deixar a Espanha e deverá entregar seus passaportes. Por fim, ainda vai pagar uma fiança de 1 milhão de euros (R$ 5,4 milhões).

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.