Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Fábio Matias explica substituições no Botafogo: ‘Não vejo problema em mexer no primeiro tempo’

Depois da vitória do Botafogo, técnico interino relembra classificação na Libertadores e explica escalação da Taça Rio

Jogada 10|

Foto: Vítor Silva/Botafogo
Foto: Vítor Silva/Botafogo Foto: Vítor Silva/Botafogo (Jogada 10)

O Botafogo mostrou poder de reação diante do Sampaio Corrêa e venceu de virada por 2 a 1 no Nilton Santos. Depois do jogo, Fábio Matias concedeu uma entrevista coletiva e comentou sobre as alterações no primeiro tempo. O técnico interino fez duas substituições antes do intervalo, quando os jogadores alvinegros estavam atrás no placar.

“Não vejo problema de mexer no primeiro tempo. Se o jogo te entrega isso, e você precisa mexer para ganhar profundidade ou controle, não vejo problema. Utilizamos todas cinco substituições porque acredito que precisamos. Estamos muito habituados ao habitual. Era um jogo que precisava da mexida. O grupo entendeu bem, e eles têm que entender dessa forma. Se tem que ser feito, tem que ser feito”, afirmou Fábio Matias.

LEIA MAIS: Mazzuco se despede do Botafogo: ‘Montamos time para brigar por tudo’

Planejamento do Botafogo

O Botafogo teve um jogo decisivo na última quarta-feira (13/03) e conseguiu uma classificação para fase de grupos da Libertadores. Portanto, Fábio Matias optou por poupar alguns titulares na Taça Rio. O técnico explicou os motivos da sua escolha.

Publicidade

“A gente teve um jogo extenuante, difícil, na quarta-feira. É normal, quando você vem para um jogo desses, vir um pouco mais relaxado. Faz parte nossa ter essa mobilização e fazer com que eles tenham essa capacidade de desenvolver isso. Não vejo relação com mental ou fraqueza. Vejo mais uma questão pontual, no pós de um jogo muito difícil”, disse Fábio Matias.

“É uma busca dentro do nosso processo, no momento como treinador, buscar essa fortaleza de jogar vários jogos difíceis ao mesmo tempo. Por isso, volto a falar: é importante darmos oportunidades para alguns atletas, para entendermos em qual nível esse atleta está e termos um grupo realmente forte quando chegarem as competições pós-data Fifa, que vão ser competições difíceis juntamente com o Brasileiro lá na frente”, completou Fábio Matias.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.