Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Estátua de Daniel Alves volta a ser vandalizada na Bahia

Imagem de Daniel Alves tinha sido vandalizada em 2023, quando populares colocaram uma sacola preta com fitas na cabeça da estátua

Jogada 10|

Foto: Reprodução / Redes sociais
Foto: Reprodução / Redes sociais Foto: Reprodução / Redes sociais (Jogada 10)

A estátua de Daniel Alves voltou a ser vandalizada. Na manhã dessa quarta-feira (28), a imagem que fica em Juazeiro, na Bahia, foi coberta por tinta branca.

Aliás, essa não é a primeira vez que a imagem do atleta é violada. Em setembro de 2023, a estátua foi coberta por um saco plástico preto e com fitas adesivas.

Questionada sobre toda a situação, a Prefeitura Municipal de Juazeiro, aliás, informou que a imagem permanecerá no mesmo local, pelo menos por enquanto. A explicação é aguardar o fim dos recursos judiciais.

Todavia, o Bahia já retirou a imagem de Daniel Alves nas paredes do museu. O Barcelona também tirou o lateral do ranking de principais jogadores, mas voltou atrás na última quarta-feira (28). Ele é um dos 102 nomes que o Barça considera como lenda histórica da equipe, tendo conquistado três vezes a Liga dos Campeões e o Mundial de Clubes, seis vezes o Campeonato Espanhol e quatro vezes a Copa do Rei.

Publicidade

Daniel Alves foi condenado a quatro anos e seis meses de prisão pelo crime de estupro a uma mulher, em uma boate de Barcelona, além de cinco anos em liberdade vigiada, após o cumprimento da pena. Além disso, ele terá que pagar uma indenização de 150 mil euros (R$ 805 mil) à denunciante, de quem terá que ficar afastado por, pelo menos, um quilômetro. O julgamento aconteceu no início de fevereiro.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.