Jogada 10 Endrick, do Palmeiras: ‘Sempre sonhei com o Real Madrid’

Endrick, do Palmeiras: ‘Sempre sonhei com o Real Madrid’

Ainda vinculado ao Palmeiras, de onde sairá em junho, Endrick garante ter colocado o Real como prioridade, mesmo com outros clubes...

Jogada 10
Foto: Cesar Greco/Palmeiras

Foto: Cesar Greco/Palmeiras

Jogada 10

Embora esteja se preparando para retornar ao Palmeiras em janeiro, o atacante Endrick já sabe que terá o Real Madrid como seu destino futuro. A partir de julho, ele fará parte do elenco merengue e já aparece ambientado de antemão à futura casa. Neste fim de ano, ele visitou a Espanha e até visitou o clube madrilenho, com o qual terá laços ainda mais fortes dentro de alguns meses.

Em entrevista ao site inglês ‘The Athletic’, Endrick reconheceu que seu grande sonho era atuar no Real Madrid. Embora tivesse o assédio de uma série de grandes clubes europeus, o garoto admite que atuar no clube do Santiago Bernabéu sempre foi seu maior objetivo. A conversa ocorreu dias depois do atacante ir ao estádio para ver a vitória merengue sobre o Villarreal, pelo Campeonato Espanhol.

“À certa altura, falou-se muito em Haaland e Mbappé no Real Madrid, foi quando houve um forte interesse do Chelsea e do Paris Saint-Germain. Claro, são equipes grandes e importantes, me interessei e seriam excelentes opções. Fui atraído pela Premier League, por Londres, pelo inglês. Mas sempre deixei claro ao meu agente que o meu sonho era o Real Madrid”, afirmou, prosseguindo:

“Desde criança eu sonhava com o Real Madrid, pois meu pai sempre foi torcedor e eu também. Hoje, tenho 17 anos e quatro títulos pelo Palmeiras. Então, é disso que estou realmente orgulhoso. Em Madri, gostaria de ganhar cinco Ligas dos Campeões e dez campeonatos espanhóis (risos)”.

Companheiro de Mbappé? Endrick responde

Endrick também respondeu a um questionamento sobre o fato de atuar junto a uma equipe ainda mais estrelada. Afinal, o francês Kylian Mbappé é um sonho antigo do Real Madrid e tem seu nome especulado na capital espanhola há alguns anos. O brasileiro desconversou, afirmando que o presidente Florentino Pérez saberá tomar a melhor decisão, com ou sem o francês contratado:

“Sempre que houver jogadores de alto nível, o time desenvolve melhor. Portanto, o que for melhor para o Real Madrid, que seja feito. Só quero ser feliz jogando futebol, como sempre quis. Obviamente, se eu puder jogar com Vinicius, Rodrygo ou Mbappé será algo muito bom. Mas Florentino e todas as pessoas ao seu redor sabem o que fazer pelo melhor do clube”.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas