Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Emiliano Díaz desconversa sobre volta ao Vasco

Ex-auxiliar do Cruz-Maltino e filho de Ramón Díaz também fez críticas à antiga gestão por promessas não cumpridas

Jogada 10

Jogada 10|Do R7


Foto: Leandro Amorim/Vasco

Em entrevista ao podcast “Futbolaço”, o auxiliar técnico e filho de Ramón Díaz, Emiliano Díaz, respondeu se voltaria ao Vasco. O nome do pai é cotado entre os possíveis novos treinadores do clube, que procura um profissional após a demissão de Álvaro Pacheco. Inicialmente, ele disse que tem que respeitar quem está no clube, porém destacou que espera um dia voltar a São Januário.

“Não é uma pergunta para mim. Não posso responder. Tem que respeitar o treinador que está lá (Rafael Paiva, interino)”, disse ele.

Queridos pela torcida, Ramón e Emiliano deixaram o clube em maio, após a goleada por 4 a 0 para o Criciúma, meses depois de uma campanha que salvou o cruz-maltino do rebaixamento no Brasileiro. O ex-auxiliar, no entanto, acredita numa volta em algum momento a São Januário.

“Sei que vou voltar ao Vasco em algum momento da minha vida, não sei se agora ou mais adiante. A história não merece terminar assim. Trabalhamos muito pelo Vasco e o Vasco me deu um carinho muito grande, no pessoal. A história não pode acabar assim. Tenho certeza disso”, disse.

Publicidade

Emiliano critica antiga gestão

Publicidade

Além disso, Emiliano fez elogios ao presidente Pedrinho e afirmou que a gestão da 777 Partners na SAF, hoje afastada do comando do futebol, descumpriu promessas feitas a sua comissão técnica.

“Nos prometeram muita coisa quando começou, o que não tem nada a ver com o Pedrinho e quem está lá agora. 99% das coisas não aconteceram. Para voltar, temos que saber que o Vasco tem que brigar por algo, ser o Vasco da Gama, um time enorme. Pelo que estou escutando e vejo, o Pedrinho está querendo fazer isso. Fico feliz, esteja dentro do clube ou fora. Sempre quero o melhor para o Vasco”, disse ele, elaborando sobre as condições de uma possível volta.

Publicidade

Segundo ele, as promessas envolviam melhoria no centro de treinamentos do clube e a contratação de jogadores. Emiliano diz que dos 28 jogadores que a comissão técnica indicou, apenas um foi contratado, o zagueiro Rojas.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.