Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Em jogo eletrizante, São Paulo e RB Bragantino empatam no Morumbis

Massa Bruta abre o placar no começo do jogo, Tricolor vira nos acréscimos do segundo tempo, mas time de Bragança arranca empate no...

Jogada 10|

Foto: Rebeca Reis/Ag. Paulistão
Foto: Rebeca Reis/Ag. Paulistão Foto: Rebeca Reis/Ag. Paulistão (Jogada 10)

Em jogo muito truncado, com expulsões e gols na reta final, o São Paulo empatou com o time reserva do RB Bragantino por 2 a 2, neste sábado (17), no Morumbis, pela nona rodada do Campeonato Paulista. O Massa Bruta veio com uma equipe alternativa, visando o duelo pela Libertadores, na quarta-feira (21) e abriu o placar com Thiago Borbas logo aos seis minutos do primeiro tempo. Arboleda e Helinho foram expulsos no segundo tempo. Contudo, no apagar das luzes, Erick, o melhor da partida e Calleri, conseguiram uma virada. Quando o resultado parecia estar garantido, Laquintana marcou no apagar das luzes e decretou a igualdade no placar.

São Paulo mal no primeiro tempo

O São Paulo começou o jogo com mais ímpeto e teve duas boas chances logo de cara com Ferreirinha e Pablo Maia. Contudo, quem abriu o placar foi o RB Bragantino. Afinal, em uma falha defensiva do time do Morumbis, Thiago Borbas apareceu livre dentro da área, deslocou Rafael e marcou o primeiro tento da partida. Com o gol sofrido, o Tricolor Paulista até tentou se lançar ao ataque, mas se mostrava um time desorganizado e nervoso, abusando das bolas alçadas na área. Por outro lado, o Massa Bruta assustava em contra-ataques perigosos. O Soberano pouco fez na primeira etapa e desceu para o intervalo com uma bela dor de cabeça.

Confusão no segundo tempo muda o jogo

Na segunda etapa, o RB Bragantino começou mais em cima. Afinal, Vitinho finalizou pra fora e Gustavinho obrigou Rafael a fazer grande defesa, isso com apenas cinco minutos. Por outro lado, o São Paulo assustou duas vezes com Nikão. Na primeira, o meia finalizou para fora e na segunda obrigou Lucão a fazer um verdadeiro milagre. Com o passar do tempo, o Tricolor Paulista começou a aumentar a pressão e empurrando o Massa Bruta para trás. Contudo o lance capital aconteceu aos 25 minutos. Arboleda, que era o último defensor do São Paulo, chegou atrasado e acertou em cheio o atacante Talisson. O juiz não marcou a falta e na sequência, Helinho deu um pontapé em Erick e recebeu o vermelho. Após revisão do VAR, o árbitro manteve o cartão para o atacante do Massa Bruta e também expulsou Arboleda. Assim, os dois times ficaram com 10 jogadores.

Emoção total nos minutos finais

Após as expulsões, o jogo ficou muito brigado. O árbitro ainda foi ao VAR ver uma possível expulsão de Diego Costa, mas decidiu apenas pelo amarelo. Enquanto isso, os dois times começaram a cometer muitas faltas. Na reta final, após tanta pressão, o São Paulo conseguiu buscar o empate. Após bate e rebate dentro da área, Erick recebeu livre na direita, ajeitou o corpo e bateu colocado para igualar o marcador e garantir um ponto ao Tricolor Paulista. Contudo, o Tricolor Paulista não se deu por satisfeito. Já nos acréscimos da partida, Erick recebeu um belo lançamento e tocou para Calleri. O argentino ganhou no corpo de Leo Ortiz e tocou por cobertura para virar o jogo. Entretanto, o jogo ainda tinha emoções para entregar. Praticamente no último lance do embate, Lincoln fez grande jogada na esquerda e encontrou Laquintana livre dentro da área para arrancar o empate no Morumbis.

Publicidade

SÃO PAULO 2X2 RB BRAGANTINO

Nona rodada do Campeonato Paulista

Data e horário: 17/02, às 18h (de Brasília)

Publicidade

Local: Estádio do Morumbis, São Paulo (SP)

SÃO PAULO: Rafael; Bobadilla, Arboleda, Diego Costa e Welington; Pablo Maia (Alan Franco, aos 31′ do 2°t), Alisson, Nikão (Erick, aos 12′ do 2°t) e Ferreirinha (Luiz Gustavo, aos 40′ do 2°t) ; Luciano (Michel Araújo, aos 12′ do 2°t) e Calleri. Técnico: Thiago Carpini

Publicidade

RB BRAGANTINO: Lucão; Andres Hurtado, Douglas Mendes, Leo Realpe (Leo Ortiz, aos 14′ do 2°t) e Guilherme Lopes (Helinho, aos 23′ do 2°t); Matheus Fernandes (Jadsom, aos 14′ do 2°t), Gustavinho e Lincoln; Laquintana, Henry Mosquera (Vitinho, aos 28′ do 1°t) e Thiago Borbas (Talisson, aos 23′ do 2°t). Técnico: Pedro Caixinha

Gol: Thiago Borbas, aos 06′ do 1°t (0-1); Erick, aos 42′ do 2°t (1-1); Calleri, aos 47′ do 2°t (2-1); Laquintana, aos 50′ do 2°t (2-2)

Publicidade

Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araujo

Assistentes: Daniel Paulo Ziolli e Luiz Alberto Andrini Nogueira

VAR: Jose Claudio Rocha Filho

Cartões amarelos: Pablo Maia, Diego Costa (SAO); Talisson (RBB)

Cartões vermelho: Arboleda (SAO) e Helinho (RBB)

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.