Jogada 10 Em fim de contrato, Robson não bate meta e vai deixar o Vasco

Em fim de contrato, Robson não bate meta e vai deixar o Vasco

Zagueiro precisaria atuar por dois mil minutos, o equivalente a 22 partidas completas, para ativar cláusula de compra por parte do...

Jogada 10
Foto: Matheus Lima/Vasco

Foto: Matheus Lima/Vasco

Jogada 10

Se, por um lado, o Vasco seguirá com parte do elenco para a próxima temporada, por outro, começa a definir peças que não ficarão no clube. É o caso, por exemplo, de Robson. O zagueiro chegou ao Cruz-Maltino por empréstimo até dezembro, junto ao Nice, da França, e teria de cumprir determinada meta de olho em ativar a cláusula de compra definitiva. No entanto, não a atingiu. Era necessário que ele atuasse por dois mil minutos, o equivalente a 22 partidas completas. O valor da aquisição se aproximaria de 2 milhões de euros (R$ 10,7 milhões na cotação atual).

O jogador de 26 anos não passou tão longe assim de alcançar tais números. Afinal, no início do trabalho do técnico Ramón Díaz, foi utilizado de forma improvisada na lateral direita em vários jogos. Isso porque Puma Rodríguez demonstrava irregularidade na posição, e a comissão optou por inovar no setor. Ao todo, então, disputou 21 jogos, sendo 19 deles como titular. Por sinal, também conviveu com lesão muscular, que o tirou de ação por algumas semanas.

Agora, Robson vai retornar à Europa, ficar à disposição do Nice e a tendência é que vá a outro clube por empréstimo. No atual elenco, o Cruz-Maltino conta com nomes importantes no sistema defensivo, que fizeram diferença para ajudar a equipe a se salvar do rebaixamento no Campeonato Brasileiro. Medel, Maicon – ambos titulares – e Léo possuem a preferência de Díaz, que ainda chegou a usar também, quando necessário, Capasso e Zé Vitor.

Mais saídas devem acontecer nas próximas semanas. Alex Teixeira e Sebastián Ferreira são dois atletas que tendem a integrar a lista de mudanças no Gigante da Colina. O meia foi muito pouco utilizado pelo treinador argentino, enquanto o atacante não conseguiu desempenhar bem quando acionado. Aliás, nem teve brechas para se manter entre os titulares, já que Vegetti passou a fazer gols de forma frequente desde sua estreia – terminou com dez.

Vasco mira paraguaio

Sob o comando de Alexandre Mattos, novo diretor esportivo, o Vasco está no mercado para reforçar a defesa e negocia a contratação de Junior Alonso. No Brasil, o paraguaio foi campeão da Copa do Brasil e da Série A pelo Atlético-MG, em 2021. Se tornou um dos destaques e referências do país, à época. Hoje, atua pelo Krasnodar, da Rússia. Os europeus, a princípio, só aceitam negociá-lo em definitivo, o que demandaria um valor de 1,5 milhão de euros (cerca de R$ 8 milhões).

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas