Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Em clássico argentino, Boca tenta, mas empata com Racing

Pela fase de quartas da Libertadores, a partida na Bombonera é movimentada, mas, com 0 a 0, a decisão está em aberto para o jogo da...

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

Jogada10
Jogada10 Jogada10

Nesta quarta-feira (23), Boca Juniors e Racing empataram, em 0 a 0, na Bombonera. Em um jogo bastante truncado, as equipes se enfrentaram pela partida de ida das quartas de final da Libertadores da América. Com o resultado, a decisão sobre quem avança ficará para o jogo da volta. Os times voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira (30). Dessa vez, o jogo será na casa de La Academía, o estádio Presidente Perón (El Cilindro). A bola rola às 21h30 (horário de Brasília).

Veja aqui os jogos da Libertadores-2023

Primeiro tempo: Boca em cima

O Boca Juniors dominou a primeira etapa. Jogando em La Bombonera, os mandantes ditaram o ritmo de jogo e levaram bastante perigo, principalmente com Cavani e Valentín Barco. Já o Racing se manteve mais fechado e, quando necessário, contou com boas intervenções de Arias. A primeira grande chance foi aos nove minutos, quando Cavani recebeu cruzamento de Fabra e cabeceou. Mas o goleiro Arias fez uma grande defesa.

Aos 33, mais uma boa chance do time xeneize. Na jogada, Fabra fez jogada individual e mandou para o meio da pequena área, em chute rasteiro. Ninguém apareceu para finalizar, e Oroz afastou o perigo. Fabra voltou a aparecer aos 40. Em grande lançamento de lateral de Barco, o lateral-esquerdo invadiu a área e tentou mandar para Cavani, mas Sigali cortou. Aos 46, Medina ajeitou e bateu colocado, mandando muito perto do gol de Arias.

Publicidade

Segundo tempo: equilíbrio

Na segunda etapa, o jogo foi mais tranquilo, com menos chances de real perigo. Aos oito, em boa chegada do Boca, Merentiel recebeu em velocidade e chutou forte, em cima de Arias. O Racing respondeu logo na sequência. Oroz deu bom passe para Maxi Romero, mas o atacante desperdiçou e não dominou. Aos 12, Gabra bateu de primeira e de canhota, mas a bola bateu pelo lado de fora das redes.

A grande chance foi aos 22. Cavani ajeito no peito e mandou para Merentiel, que bateu de primeira, mandando muito perto do gol de Arias. Apesar de entrar em campo diante vaias, o ex-Boca Juniors Almendra mostrou pressão para o Racing. Aos 31, o volante mandou uma bomba, de muito longe, mas Romero defendeu.

Publicidade

A pressão seguiu bastante alta. Na sequência, em jogada ensaiada, Janson recebeu dentro da área, limpou a marcação e chutou, mandando muito perto ao gol. Aos 42, Zeballos recebeu dentro da área, se livrando da marcação. O atacante mandou uma bomba, em chute casteiro, no meio do gol. Arias defendeu mais uma. O Racing tentou em cobrança de falta bastante perigosa, mas Quintero mandou em cima da barreira.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.