Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Dorival Júnior garante que não irá poupar jogadores pendurados

Seleção Brasileira conta com quatro jogadores pendurados com um cartão amarelo cada

Jogada 10

Jogada 10|Do R7


Foto: Rafael Ribeiro/CBF

A Seleção Brasileira vai em busca da liderança do Grupo D da Copa América. Para isso, precisa vencer a Colômbia nesta terça-feira (2), às 22h (de Brasília). O técnico Dorival Júnior, em coletiva de imprensa na véspera do confronto, afirmou que não irá poupar jogadores pendurados com o cartão amarelo. Ou seja, a Canarinho vai com força máxima!

“Tem alterações dentro da necessidade da partida. Nós estamos estudando bastante a equipe colombiana, aliás uma excelente equipe, vem tendo uma regularidade muito boa e alcançando resultados muito interessantes. Uma equipe que merece sim muito respeito, vocês sabem, das qualidades da grande maioria dos seus jogadores, jogadores que estão aí em grandes clubes do futebol mundial e nós vamos fazer a melhor escalação possível”, disse Dorival Júnior.

“Não tem essa história de poupar ninguém nesse momento. Eu acho que é uma amostra de que nós queremos o melhor resultado para a primeira fase da competição. Não serão levados em conta (os cartões), vamos entrar com melhor formação possível para essa partida, independente da situação de cada um, queremos fazer nosso melhor e conquistar o melhor resultado possível”, completou.

Publicidade

Com um cartão amarelo cada, Éder Militão, Wendell, Lucas Paquetá e Vini Júnior estão pendurados. Ou seja, se receberem mais um cartão, na partida contra a Colômbia, ficam fora das quartas de final (caso o Brasil avance de fase).

Atenção com a Colômbia

Publicidade

A Seleção Brasileira terá que ter cuidado nesta terça-feira. Afinal, segundo o próprio treinador da Canarinho, trata-se de uma das melhores gerações colombianas. Assim, ele chamou a atenção para a qualidade técnica do adversário, que conta com grandes jogadores, como James Rodríguez, Luiz Díaz e Arias.

“Acredito que seja uma das melhores gerações dos últimos anos do futebol colombiano, com jogadores atuando em grandes equipes do futebol mundial com destaque, muitos deles dentro do nosso país, nessa condição de serem protagonistas. Não tenho dúvidas que teremos um jogo mais jogado, talvez não aberto, porque as equipes vão se preocupar defensivamente, mas acredito que será um jogo com boas perspectivas. Esperamos que possamos ter um melhor aproveitamento, já evoluindo naquele processo do primeiro amistoso para esse momento agora”, explicou o treinador brasileiro.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.