Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Diniz exalta atuação do Fluminense e valoriza classificação: ‘Planejamento cumprido’

Técnico diz que o Tricolor precisa melhorar no ano, mas diz que foi soberano sobre o Cerro e já tem mais pontos do que em 2023

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

- Foto: Lucas Bayer/Jogada10 (Lucas Mercon)

O Fluminense garantiu a classificação antecipada para as oitavas da Libertadores ao bater o Cerro Porteño por 2 a 1 , no Maracanã, nesta quinta-feira (16). Assim, o técnico Fernando Diniz ressaltou que o Tricolor foi soberano no jogo, teve mais finalizações e mereceu o triunfo.

“Eu acho que o time fez um bom jogo. Principalmente antes de tomar o gol de empate. Estava soberano. Era jogo de um time só. No momento que estamos vivendo ainda, de energia mesmo, na primeira bola que escapou sofremos gol, num lance duvidoso, se foi falta ou não… Mas tomamos o gol no primeiro ataque do Cerro. Conseguimos circular a bola bem, o jogo ia terminar pelos lados, provavelmente o gol ia sair de um cruzamento, porque esse time fecha muito o centro do campo”, analisou.

“Eles jogam praticamente com seis volantes quando estão marcando, então o jogo fica praticamente impossível de jogar por dentro, terminar por dentro. Sabíamos que tínhamos que jogar com amplitude máxima. Com Arias e Keno e apoio de Guga e Marcelo. Então acho que o planejamento foi cumprido. Os números mostram que merecemos ganhar. Eles tiveram duas finalizações no gol, cinco no total. A gente finalizou 16. Tivemos sete escanteios” disse Diniz.

Oscilação e busca por evolução

Atual campeão do torneio continental, o Fluminense chegou a 11 pontos e não pode ser mais alcançado no Grupo A. Dessa forma, terá pela frente na última rodada o lanterna Alianza Lima, também no Maracanã. O adversário ainda tem chance de se classificar, enquanto os comandados de Fernando Diniz buscam finalizar a fase de grupos com uma pontuação ainda melhor.
“A gente ainda tem coisas para melhorar. Naturalmente vamos melhorar. Mas nesse último mês estamos oscilando mais para cima do que para baixo. Estamos entrando em um novo momento, eu acredito. E faço um clamor para o torcedor nos apoiar. Nosso grande craque é o torcedor. A gente sabe que às vezes não entregamos o que eles esperam. No começo do ano é de muita instabilidade, contudo conseguimos um título inédito”, elucidou.
“Se a gente for fazer análise racional, porque o torcedor fica naquela coisa de ganhar, ganhar, ganhar, mas a gente tem um título já e se a gente comparar com a temporada do ano passado neste momento estamos com mais pontos do que fizemos na Libertadores do ano passado. Terminamos com 10 pontos, tivemos que empatar com o Sporting Cristal para classificar. Hoje já estamos classificados em primeiro, estamos em boa situação na Copa do Brasil e o Brasileiro, no meu entender, estamos com pontuação abaixo do que a gente merecia – opinou o treinador”, concluiu.
Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.