Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Diniz diz que Fábio deveria ter disputado uma Copa do Mundo: ‘É espetacular’

Aos 43 anos, goleiro volta a se destacar com defesas importantes no empate, sem gols, do Fluminense com o Cerro Porteño, pela Libertadores...

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

- Foto: Lucas Merçon/Fluminense (Lucas Mercon)

O Fluminense teve muita dificuldade na criação e para incomodar a meta de Cerro Porteño pela terceira rodada do Grupo A da Libertadores. Assim, a equipe carioca ficou no 0 a 0, no Estádio Nueva Olla, e segue na liderança, porém perdeu a chance de abrir uma vantagem maior. Em campo, as melhores chances foram do adversário, entretanto o goleiro Fábio, de 43 anos, voltou a se destacar com grandes defesas e garantiu o resultado.

O arqueiro fez pelo menos três boas defesas nos momentos em que o Tricolor passou dificuldades com as investidas do adversário. Na mais perigosa delas, Benítez cruzou pela direita para Piris da Motta cabecear, à queima-roupa. O goleiro, nesse sentido, demonstrou estar em ótima forma e com reflexo apurado, ao espalmar.

Na coletiva de imprensa, Fernando Diniz teceu muitos elogios ao goleiro. De acordo com o comandante tricolor, Fábio deveria ter disputado uma Copa do Mundo com a camisa da Seleção Brasileira. Além disso, reforçou que acha ‘espetacular’ a maneira como se comporta em campo, sendo um símbolo para o elenco.

Publicidade

“Sobre o Fábio, eu não canso de dizer. Deveria ser mencionado mais vezes. É espetacular, a idade que tem, como se comporta, ajuda as pessoas. Com 43 anos, um símbolo. Infelizmente, não jogou uma Copa do Mundo. Ele merecia pelo menos uma. É um craque. (O Brasil) Sempre teve grandes goleiros, mas ele merecia ter jogado uma Copa. É muito diferente como goleiro. A gente fica honrado de poder trabalhar com um jogador desse nível aqui”, disse.

Publicidade

Títulos e recordes pelo Tricolor

Desde que chegou ao clube carioca, Fábio tem conquistado títulos importantes e enfileirado recordes. Além de erguer as taças da Libertadores e Carioca na última temporada, também foi titular na vitória sobre a LDU, do Equador, na decisão da Recopa Sul-Americana. Recentemente, ele desbancou Zé Roberto, ídolo de Palmeiras e Santos, e se tornou o jogador mais velho a atuar na Série A do Campeonato Brasileiro, com 43 anos, 2 meses e 6 dias.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.