Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Cristiano Ronaldo analisa classificação: ‘Tristeza no início e alegria no final’

Capitão de Portugal comenta a vitória nos pênaltis sobre a Eslovênia e vaga para as quartas da Eurocopa 2024

Jogada 10

Jogada 10|Do R7


Patricia de Melo Moreira/AFP via Getty Images

Cristiano Ronaldo foi um dos destaques da classificação de Portugal sobre a Eslováquia para as quartas de final da Eurocopa 2024, mas não por gols marcados ou lances bonitos. O astro desperdiçou uma cobrança de pênalti, foi às lágrimas após o erro e precisou ser consolado pelos companheiros de seleção. CR7 ainda não balançou a rede nesta edição da Euro.

Em entrevista ao canal ‘Sport TV’, de Portugal, após a partida, Cristiano Ronaldo expressou alívio pela classificação, mas lamentou o pênalti perdido. Na temporada pelo Al-Nassr e pela seleção portuguesa, o craque havia acertado as 13 penalidades anteriores que cobrou.

“Uma tristeza inicial e uma alegria no final. É o que o futebol dá. Momentos inexplicáveis, oito e oitenta, foi o que aconteceu hoje. Tive a oportunidade de dar vantagem à seleção, não consegui, tenho de rever, não sei se chutei bem ou mal. Durante o ano, não errei uma vez e, na hora em que mais precisavam, o Oblak defendeu. Sentimento de alegria e tristeza, mais importante é desfrutar da classificação. Portugal merecia, porque tivemos mais oportunidades e a Eslovênia esteve todo o jogo a defender”, disse o craque.

Publicidade

Cristiano Ronaldo perde pênalti na prorrogação

Aos 12 minutos do primeiro tempo da prorrogação em Frankfurt, um pênalti foi marcado em cima de Diogo Jota. Assim, CR7 chutou forte no canto esquerdo, mas o goleiro Oblak fez uma grande defesa. O choro chamou muita atenção e ocorreu pouco depois de Cristiano Ronaldo viver um episódio semelhante. Na final da Copa do Rei Saudita, em 31 de maio, o atacante chorou após a derrota do Al-Nassr para o Al-Hilal.

Publicidade

Após disputar cinco Copas do Mundo e em sua sexta Eurocopa, é a primeira vez que o astro não marca na fase de grupos das duas principais competições de seleções. Aos 39 anos, CR7 foi titular de Portugal nas três primeiras partidas e deu uma assistência, se tornando o recordista de passes para gol na história da Euro.

No entanto, durante a disputa por pênaltis, Cristiano Ronaldo chamou a responsabilidade e acertou a primeira cobrança dos portugueses. Dessa maneira, Portugal superou a Eslovênia com três defesas do goleiro Diogo Costa e vai enfrentar a França nas quartas de final da Euro.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.