Jogada 10 Chega ao fim a segunda passagem de Chiqui Arce no Olimpia

Chega ao fim a segunda passagem de Chiqui Arce no Olimpia

Treinador não resistiu aos resultados ruins no início de temporada no Paraguai

Jogada 10
Foto: Divulgação/Olimpia

Foto: Divulgação/Olimpia

Jogada 10

O Olimpia está no mercado em busca de um novo técnico. Isso porque, através de seus canais oficiais, o clube comunicou a decisão de demitir Francisco Arce do cargo após quatro partidas disputadas em 2024.

“Muito obrigado, Professor Francisco Arce, por seu trabalho e profissionalismo à frente da Instituição. Lhe desejamos sucesso em seu futuro!”, veiculou o Decano em publicação nas redes sociais.

Desse modo, chegou ao fim a segunda passagem do técnico de 52 anos pelo arquirrival da equipe onde criou identificação nos tempos de atleta, o Cerro Porteño. No período recente, ele angariou 29 partidas dirigindo o Olimpia com retrospecto de dez vitórias, dez empates e nove derrotas.

Além da questão dos resultados, um fato relevante já fazia com que Chiqui Arce entrasse pressionado na atual temporada: a ausência na Libertadores. Em virtude de campanhas abaixo da média tanto no Apertura como no Clausura, a equipe terá de disputar, com o Sportivo Ameliano, uma vaga na fase de grupos da Sul-Americana. O embate em questão está agendado para o dia 7 de março.

Curiosamente, este é o segundo ano consecutivo que Francisco Arce tem trabalho interrompido ainda nos primeiros jogos da temporada. Em 2023, vindo de trabalho que durava três anos no Cerro Porteño, bastaram dois compromissos (empate em 1 a 1 com o Sportivo Ameliano e triunfo contra o Trinidense, por 1 a 0) para a diretoria do Ciclón o demitir.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram Facebook.

Últimas