Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Champions: Manchester City, fora de casa, vence Copenhagen

Pela ida das oitavas, com 80% de posse e seis vezes mais finalizações, Citizens vão até a Dinamarca e abrem frente : 3 a 1

Jogada 10|

Foto: Jonathan Nackstrand/ AFP via Getty Images
Foto: Jonathan Nackstrand/ AFP via Getty Images Foto: Jonathan Nackstrand/ AFP via Getty Images (Jogada 10)

Nesta terça-feira de Carnaval (13/2), começou a fase de oitavas de final da Champions 2023/24. Em Copenhague, no Estádio Parken, o Manchester City visitou o Copenhagen e ratificou o favoritismo. Afinal, com 80% de posse e muito mais finalizações do que o rival (26 a 4), venceu por 3 a 1. Para os atuais campeões da Champions e o Mundo, marcaram De Bruyne, Bernardo Silva e Foden. O gol do time dinamarquês foi de Mattsson.

O jogo da volta será no dia 6/3, em casa, no Etihad Stadium, em Manchester. O City se qualifica às quartas da Champions com um empate. O Copenhagen precisa vencer por dois gols para levar para a prorrogação. Ou três (ou mais) gols para avançar de forma direta.

Veja aqui a tabela de jogos da Champions

City chega aos gols no primeiro tempo

Apesar de atuar fora de casa, o Manchester City, muito superior tecnicamente, empurrou o Copenhagen para a defesa. Antes dos nove minutos já tinha criado três boas chances. Na melhor, Álvarez cabeceou para grande defesa parcial de Grabara e, na sobra, a dois passos do gol, Aké não finalizou corretamente, mandando fora. Aos dez, a bola entrou. Foden recebeu pela direita e tocou para De Bruyne, que bateu cruzado. 1 a 0. Fácil. Pouco depois, Grealish saiu machucado paa a entrada de Doku. Mas o City seguiu sobrando e mandou uma na trave (Vavro tentou cortar e quase fez contra).

Publicidade

Porém, surpresa, aos 33: um erro de Ederson, que saiu jogando erradamente, dando a bola no pé de Elyounoussi. O norueguês, chutou, deu rebote e Mattsson fuzilou da entrada da área para empatar o jogo no primeiro chute na direção do gol. Isso com o City somando dez finalizções (seis certas) e 75% de posse. Contudo, aos 45. Após bola espirrada na áerea, Bernardo Silva entrou e deu um toquinho tirando o goleiro da jogada e recolocando o City na frente.

No segundo tempo, o jogo foi menos intenso. A torcida tentou levar o Copenhagen ao ataque. Mas o City controlou bem o tempo e teve a grande chance da etapa, numa cabeçada de Haaland que foi na trave. Mas, nos acréscimos, saiu o terceiro gol. Foden triangulou com De Bruyne na área e chutou para fechar o placar.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.