Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Ceni valoriza triunfo do Bahia, mas exige melhora nas finalizações

Tricolor de Aço vence o Juventude, na Fonte Nova, em grande exibição no segundo tempo, mas Rogério pede atenção aos atacantes

Jogada 10

Jogada 10|Do R7


Foto: Letícia Martins/EC Bahia

O Bahia de Rogério Ceni conseguiu seu sétimo triunfo em seus domínios no Campeonato Brasileiro ao vencer o Juventude por 2 a 0, assim entrou no G4. Agora soma 27 pontos, mesma pontuação de Palmeiras e Botafogo, segundo e terceiro colocados respectivamente, mas superiores ao time baiano no saldo de gols.

Todavia, na entrevista coletiva, o comandante do Tricolor de Aço analisou a partida e o crescimento no segundo tempo. Aliás, os gols foram marcados na etapa final: Thaciano fez o primeiro, enquanto Cauly, o segundo.

“No segundo tempo, conseguimos trabalhar bem a bola, tivemos grandes chances. Poderia ser um placar mais elástico, mas acho que jogamos bem de uma maneira geral. Ademir e Biel tiveram chances, mas, infelizmente, não conseguimos converter em gol. O importante é ter vencido mais um jogo com o torcedor aqui, mais de 40 mil pessoas”, falou Rogério Ceni.

Ceni analisa energia do Bahia contra o Juventude

Publicidade

O Bahia agora terá o confronto direto contra o Palmeiras no Allianz Parque. O jogo será no domingo (7). Assim, Ceni finaliza destacando que achou a energia do time baixa em campo, mas frisou que o segundo tempo diante do Juventude precisa ser exemplo.

“Achei a energia um pouco baixa antes de entrar no jogo. Assim, conseguimos trabalhar bem a bola, mas não conseguimos romper as linhas de marcação. Aliás, voltou muito a bola, recomeçou muito, jogando muito no nosso terço de campo. Assim não adianta ter a bola. Tem que ser como foi na segunda parte, começando a construção lá atrás e conseguir levar para o ataque. Nos primeiros 20 minutos, tivemos a bola e cometemos erros. Desse modo, as melhores chances foram deles. Depois conseguimos encontrar bolas, linhas de passe e aí, sim, foram muitas finalizações”, finalizou Rogério Ceni.

Publicidade

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.