Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Atlético vira sobre o Cruzeiro no Mineirão e é PENTA do Campeonato Mineiro

Raposa tinha a vantagem e ainda sai na frente, mas leva virada espetacular no segundo tempo. Jejum celeste aumenta

Jogada 10

Jogada 10|Do R7

Foto: FlickR Cruzeiro
Foto: FlickR Cruzeiro Foto: FlickR Cruzeiro (Jogada 10)

Com direito a virada espetacular no segundo tempo, o Atlético é PENTACAMPEÃO do Campeonato Mineiro. Neste domingo (7), o Galo venceu o Cruzeiro por 3 a 1, no Mineirão, e superou a vantagem do rival, que jogava por um empate e ainda saiu na frente.

Saravia, Hulk e Gustavo Scarpa (seu primeiro no novo clube) fizeram os gols da remontada atleticana. Mateus Vital foi quem abriu o placar para a Raposa. A vitória amplia o jejum celeste, que não conquista o Mineiro desde 2019. Esta é a 49ª conquista do Atlético, maior campeão mineiro – agora com 11 a mais que o maior rival.

Primeiro tempo

Quem esperava muitas chances de gol no primeiro tempo, acabou se frustrando. Apenas um chute no alvo, com Paulinho perdendo duas boas oportunidades para o Atlético, em lances esporádicos.

A equipe atleticana era quem precisava buscar o gol, já que o empate dava o título ao Cruzeiro por ter melhor campanha na fase inicial. O camisa 10, porém, desperdiçou as duas chances da primeira etapa.

Publicidade

LEIA MAIS: Neymar publica vídeo com ex-noiva: ‘Dá para voltar a me seguir?’

Segundo tempo

A emoção, enfim, tomou conta na etapa final. Mesmo com a vantagem do empate, a Raposa abriu o placar. Mateus Vital aproveitou cruzamento primoroso de Matheus Pereira e, aos 7′, fez de cabeça, superando Everson.

Publicidade

Os mais de 60 mil cruzeirenses (torcida única) foram ao delírio com o gol, já que o Atlético precisaria virar a partida. Mas o Galo não é forte e vingador à toa. Otávio fez lançamento magistral e Saravia surgiu como homem-surpresa. De cabeça, de costas e de cobertura ele marcou um verdadeiro golaço, empatando o duelo, aos 20′.

A virada veio aos 31′, com Hulk. Igor Gomes e Scarpa, que tinham entrado pouco antes, participaram do lance que gerou o pênalti decisivo para o título. Igor recebeu e cruzou rasteiro, mas Lucas Silva travou com a mão, que estava muito aberta.

Publicidade

O árbitro Flávio Rodrigues de Souza foi conferir no VAR e anotou a penalidade. Hulk, com estilo, bateu o goleiro Rafael Cabral, para formalizar a vitória atleticana.

E ainda daria tempo para o primeiro gol de Gustavo Scarpa com a camisa do Atlético. Em contra-ataque fulminante, Paulinho recebeu já no campo ofensivo e deixou o camisa 6 na cara do gol. Ele driblou Rafael e, de direita, fez o gol do título.

CRUZEIRO 1 X 3 ATLÉTICO

Campeonato Mineiro – Final – jogo de volta

Data e horário: 7/4/2024, às 15h30 (de Brasília)

Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)

CRUZEIRO: Rafael Cabral; William (Wesley Gasolina, 34’/2ºT), Zé Ivaldo, Neris (Barreal, 34’/2ºT) e Marlon; Lucas Romero, Lucas Silva (Cifuentes, 22’/2ºT), Mateus Vital (João Marcelo, 17’/2ºT) e Matheus Pereira; Arthur Gomes e Juan Dinenno. Técnico: Nicolás Larcamón.

ATLÉTICO: Everson; Saravia, Bruno Fuchs (Gustavo Scarpa, 23’/2ºT), Jemerson e Guilherme Arana; Alan Franco, Otávio (Vargas, 22’/2ºT), Battaglia (Igor Gomes, 22’/2ºT) e Zaracho; Paulinho e Hulk. Técnico: Gabriel Milito

Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza (Fifa-SP)

Assistentes: Fabrini Bevilaqua Costa (SP)e Nailton Junior de Sousa Oliveira (SP)

VAR: José Cláudio Rocha Filho (SP)

Cartões amarelos: Lucas Silva, Lucas Romero e William (CRU); Zaracho, Jemerson e Guilherme Arana (ATL)

GOLS: Mateus Vital, 7’/2ºT (1-0); Saravia, 20’2ºT (1-1); Hulk, 31’/2ºT (1-2) e Gustavo Scarpa, 47’/2ºT (1-3)

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.