Jogada 10 Artilheiro histórico de seleção morre em jogo de veteranos

Artilheiro histórico de seleção morre em jogo de veteranos

Luis Tejada estava em uma partida de veteranos, pediu para sair e desmaiou. Ele foi levado para uma clínica, mas não resistiu

Jogada 10
Foto: Rodrigo Arangua/AFP via Getty Images

Foto: Rodrigo Arangua/AFP via Getty Images

Jogada 10

O ex-atleta Luis Tejada, maior artilheiro da história da seleção panamenha, morreu, neste domingo (28). Ele sofreu uma parada cardíaca durante uma partida de veteranos.

Inicialmente, o jogador de 41 anos estava jogando, quando começou a passar mal. Ele pediu substituição e deixou o gramado. Fora de campo, ele desmaiou e foi levado de ambulância para um hospital. No entanto, não resistiu.

O ex-atleta esteve em campo em duas partidas da Copa do Mundo de 2018. No entanto, na competição em solo russo, não marcou gols.

Na seleção do Panamá, ele registra 43 gols em 108 jogos disputados.

Como atleta, passou por equipes como Millonarios, Once Caldas, América de Cali. Também defendeu as cores de Juan Aurich, Universitário Peru, Sports Boys, Pirata FC, Toluca e Envigado.

Nas redes sociais, a Federação de Futebol do Panamá fez sua homenagem.

“O número 18 do Panamá sempre foi e sempre será sinônimo do nosso eterno artilheiro Luis ‘Matador’ Tejada. Voe alto, lenda! Você estará sempre em nossos corações”.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Últimas