Esportes Janela fecha com negociações de Messi e Cristiano Ronaldo e permanência de Mbappé

Janela fecha com negociações de Messi e Cristiano Ronaldo e permanência de Mbappé

O futebol europeu encerrou nesta terça-feira a melhor janela de transferências de sua história com duas movimentações que agitaram o futebol mundial e uma grande frustração para o futebol espanhol. Os dois melhores jogadores do planeta na última década e meia, Messi e Cristiano Ronaldo, trocaram de clube. E um dos principais representantes da nova geração, Mbappé, ficará onde está, no Paris Saint-Germain, mesmo querendo ir para o Real Madrid.

Messi deixou o Barcelona e foi para o Paris Saint-Germain por causa do fair play financeiro em vigência na Espanha. O clube catalão não pôde arcar com os custos de sua manutenção e ele foi reencontrar Neymar em Paris. E vai ganhar 35 milhões de euros por temporada, pela missão de tentar levar o PSG ao título europeu.

Cristiano Ronaldo voltou para o Manchester United depois de 13 anos. Ele não quis ficar na Juventus, que como consolo vai receber 15 milhões de euros em cinco anos e pode faturar mais 8 milhões de euros, de metas forem alcançadas por CR7.

A Espanha perdeu Messi e não conseguiu Mbappé. O francês queria ir para o Real Madrid, que chegou a oferecer 200 milhões de euros por ele, mas o milionário PSG bateu o pé. Agora, comenta-se que os merengues tentarão uma nova investida em janeiro.

Além de manter Mbappé, contratar Messi, o goleiro Donnarumma, o zagueiro Sergio Ramos, entre outros, o PSG foi buscar o lateral-esquerdo Nuno Mendes por empréstimo junto ao Sporting, de Portugal, com opção de compra por cerca de 50 milhões de euros.

Nesta terça, último dia da janela, vários negócios foram feitos. O Barcelona, ainda às voltas com o fair-play financeiro, cedeu Antoine Griezmann por empréstimo ao Atlético de Madrid. O acordo por pouco não foi viabilizado.

O acordo dependia de Saúl Ñiguez sair do Atlético de Madrid e ir para o Chelsea. A documentação chegou no limite, a poucos minutos do fim da janela, e tudo deu certo. Griezmann retornou para o clube em que brilhou, Saúl se transferiu para o time londrino atual campeão europeu e o Barcelona trouxe o atacante holandês Luuk de Jong, do Sevilla.

O Barcelona também negociou o brasileiro Emerson Royal com o Tottenham. O clube inglês contratou o lateral-direito revelado no Atlético-MG por cerca de 30 milhões de euros.

Já o Real Madrid sonhou com Mbappé e vai ter de se consolar com o volante francês Camavinga, de 18 anos. Considerado um joia do futebol mundial, o jogador foi comprado do Rennes por 30 milhões de euros (R$ 182,8 milhões na cotação atual) e assinou contrato até 2027.

Últimas