Esportes Internacional estreia na Copa Sul-Americana contra time emergente do Equador

Internacional estreia na Copa Sul-Americana contra time emergente do Equador

A Copa Sul-Americana começa nesta quarta-feira para o Internacional. Sem jogar desde 23 de março quando venceu o Gre-Nal, mas foi eliminado nas semifinais do Campeonato Gaúcho, o time colorado teve tempo de sobra para se preparar para essa estreia que acontece contra o 9 de Outubro, do Equador, fora de casa, no Estádio Jocay, em Manta, às 21h30.

O duelo é válido pela primeira rodada do Grupo E, que ainda conta com Guaireña, do Paraguai, e Independiente Medellín, da Colômbia. Nesta primeira fase, são oito chaves com quatro integrantes cada, onde apenas o líder avançará para as oitavas de final. Se juntarão a eles os oito terceiros colocados da etapa de grupos da Libertadores.

Essa será a sétima vez que o time gaúcho irá disputar a Copa Sul-Americana, onde irá buscar o bicampeonato, já que levantou o troféu do torneio internacional em 2008. Depois de um Brasileirão de altos e baixos em 2021, o Internacional ficou com uma vaga neste ano por ter terminado em 12º na tabela, com 48 pontos somados.

Para o duelo, apesar de ter tido bastante tempo para preparar seu time, o técnico Alexander Medina irá fazer apenas uma mudança no Internacional em relação a formação que começou jogando o clássico contra o Grêmio no dia 23 de março. Com uma lesão muscular na coxa direita, o atacante David está entregue ao Departamento Médico e não tem chances de atuar.

O zagueiro Victor Cuesta, o lateral-direito Moisés e os meias Estevão, D'Alessandro e Gustavo Maia, que estão inscritos, também ficaram no Brasil e são baixas. Contratados nesta semana, o atacante De Pena tem chances de fazer sua estreia, enquanto Wanderson ainda terá que esperar por conta de uma lesão.

No mais, Lizieiro será mantido na lateral-esquerda. No meio, Edenilson deve jogar mais adiantado com Johnny formando dupla de volantes com Gabriel. Enquanto, Wesley Moraes será referência na frente.

9 DE OUTUBRO

Do outro lado, o 9 de Outubro chega como um time emergente no Equador, graças a um bom investimento do ex-deputado Dalo Buracam. O clube saiu da Terceira Divisão para a elite equatoriana em dois anos e agora fará sua estreia em competições internacionais. Apesar do dinheiro envolvido, neste ano, a equipe não conseguiu manter as boas atuações e não deve ser presa difícil para o Internacional.

Isso porque, após as seis primeiras rodadas, a equipe está na penúltima colocação do Campeonato Equatoriano. De qualquer forma, o time é comandado por Juan Carlos León e se destaca pela intensidade física e pelos chutes de longa distância.

Últimas