Esportes Humilhado no Uruguai, Corinthians busca recuperar confiança para semi do Paulista

Humilhado no Uruguai, Corinthians busca recuperar confiança para semi do Paulista

O técnico Vagner Mancini terá dois dias de treinos para tentar elevar o moral do elenco do Corinthians, humilhado no Uruguai, após a derrota por 4 a 0 para o Peñarol, pela Copa Sul-Americana, para a disputa da semifinal do Campeonato Paulista, domingo, na Neo Química Arena. O adversário será definido nesta sexta-feira.

"Classifico como acidente de percurso (goleada para o Peñarol). Mas, para comprovar isso, precisamos entrar domingo e mostrar que temos mais a dar. Mais organizado, equilibrado, encurtar espaços para confiarem em nós", disse o treinador, em entrevista coletiva, ainda na capital uruguaia.

Mancini classificou a derrota como um 'vexame' e sabe que outro resultado que não uma vitória na semiifnal do Estadual poderá transformar o ambiente no Parque São Jorge insustentável tanto para ele como para aluns jogadores. "Concordo (vexame). É lamentável chegar numa situação dessas. Porém, com tudo o que rolou ao longo do ano, temos que levantar a cabeça. Temos semifinal domingo. É triste, dói em todos, sabe que o torcedor está chateado e com razão, tínhamos esperanças na competição, de iniciar bem, mas empatamos em casa. Dentro de uma chave que só um passa, ficamos abaixo. Estamos tendo dificuldade de calendário, sem poder escalar a mesma equipe e isso também atrapalhou."

O treinador confia que poderá recuperar o entusiasmo do time para o jogo decisivo no Paulista. "Espero que não abale em nada. Espero que a derrota sirva para alavancar, não mostre os erros apresentados diante do Peñarol e dispute semifinal importante de maneira diferente. Queremos um Corinthians ativo, que encurte os espaços, faça boa marcação."

Últimas