Hamilton lidera nova dobradinha da Mercedes no 3º treino na Áustria

O holandês Max Verstappen, da Red Bull, melhorou seu desempenho em relação às últimas sessões e terminou em terceiro

Hamilton sobrou no circuito de Spielberg

Hamilton sobrou no circuito de Spielberg

Joe Klamar/Reuters/04-07-20

O terceiro treino livre para o GP da Áustria da Fórmula 1 foi novamente dominado por Lewis Hamilton. O inglês hexacampeão mundial sobrou no circuito de Spielberg e voltou a ser o mais rápido neste sábado, com a marca de 1min04s130, seguido de seu companheiro de Mercedes, Valtteri Bottas, que foi 0s147 mais lento. Os dois fizeram a terceira dobradinha da equipe na temporada.

Leia mais: GP do Brasil de Fórmula 1 deve ser cancelado, diz chefe da Mercedes

O holandês Max Verstappen, da Red Bull, melhorou seu desempenho em relação às últimas sessões e chegou a se aproximar da dupla da Mercedes. Fechou a atividade 0s283 atrás de Hamilton e terminou em terceiro, seguido pelo mexicano Sergio Pérez, da Racing Point, com 1min04s605.

Discreta na sexta-feira, a Ferrari apresentou leve melhora, com o monegasco Charles Leclerc na quinta colocação, distante 0s573 do melhor tempo, e o alemão Sebastian Vettel em sétimo. Entre eles, em sexto, ficou o tailandês Alexander Albon, da Red Bull.

A Ferrari até chegou a fazer dobradinha com Leclerc à frente de Vettel, mas os dois haviam sido os únicos pilotos até aquele momento, faltando 20 minutos para o fim da atividade, a fazer uso dos pneus macios. Quando a dupla da Mercedes colocou os compostos mais moles, a história mudou e Leclerc ficou mais de 0s5 atrás de Hamilton.

Veja também: Quarentena impõe nova realidade a pais, alunos e educadores de todo o Brasil

O grupo dos dez primeiros colocados foi completo com o canadense Lance Stroll, da Racing Point, em oitavo, o francês Pierre Gasly, da Alpha Tauri, em nono, e o inglês Lando Norris, da McLaren, em décimo.

A primeira bandeira vermelha desta temporada foi provocada pelo canadense Nicholas Latifi. Estreante na Fórmula 1, o piloto da Williams bateu na saída da curva 1 na metade da sessão. Ele não se machucou, mas não pôde voltar à pista e ficou, portanto, com o último tempo.

Os pilotos voltam para a pista ainda neste sábado para a sessão de classificação, que começará às 10 horas. A largada para o GP da Áustria está prevista para as 10h10 do domingo.

Ayrton Senna se tornou inspiração para inúmeras obras de arte