Guga revela preocupação do Atlético-MG com local de jogo da Copa do Brasil

O Atlético-MG está preocupado com as condições que vai enfrentar na segunda fase da Copa do Brasil. Nesta quarta-feira, o time alvinegro disputará um lugar na terceira etapa da competição nacional com o Afogados, de Pernambuco. O duelo será realizado em Afogados da Ingazeira, município do interior pernambucano com cerca de 37 mil habitantes.

A preocupação foi revelada nesta segunda-feira pelo lateral-direito Guga, que concedeu uma entrevista coletiva antes do treino comandado pelo técnico venezuelano Rafael Dudamel. Segundo ele, os jogadores atleticanos já sabem que as condições do Estádio Valdemar Viana de Araújo, o Vianão, não são das melhores.

"Sabemos que vai ser um jogo complicado. Já demos uma olhada no campo, na iluminação, isso tudo atrapalha", disse o jogador. "A gente deu uma pequena olhada no jogo contra o Santa Cruz (pelo Campeonato Pernambucano). Percebemos muitas dificuldades em termos do estádio de lá. Grama muito alta, iluminação não muito boa...", relatou Guga.

O Vianão tem capacidade para apenas dois mil torcedores. A chegada do Atlético a Afogados da Ingazeira, porém, fez a diretoria do clube pernambucano providenciar a instalação de arquibancadas provisórias, o que vai elevar a capacidade do estádio para cerca de cinco mil pessoas.

Na opinião de Guga, a receita para o time mineiro não ter problemas no jogo contra o Afogados é esquecer as dificuldades causadas pelo local da partida.

"A gente sabe que há muitas coisas que podem atrapalhar, mas tenho certeza de que se todo mundo estiver bem focado, bem ligado para esse jogo, essas pequenas coisas não vão fazer diferença", comentou o lateral. "A gente não pode se apegar a viagem longa, a campo, a iluminação, enfim, a coisas que a gente sabe que podem atrapalhar."

Na primeira fase da Copa do Brasil, o Atlético teve problemas para passar pelo Campinense, da Paraíba. A partida, disputada em Campina Grande, terminou empatada por 0 a 0 - a equipe mineira avançou porque jogava pelo empate. Contra o Afogados, a situação será diferente: se não houver vencedor, a vaga na terceira fase vai ser decidida nos pênaltis.