Esportes Grand Slams testarão tiebreak de 10 pontos no set final começando com Roland Garros

Grand Slams testarão tiebreak de 10 pontos no set final começando com Roland Garros

TENIS-SLAMS-TIEBREAK:Grand Slams testarão tiebreak de 10 pontos no set final começando com Roland Garros

Reuters - Esportes

(Reuters) - Todos os quatro Grand Slams de tênis usarão um tiebreak de 10 pontos no set final, em caráter experimental, começando com o Aberto da França em maio, disse o órgão regulador dos eventos mais prestigiados do esporte nesta quarta-feira.

De acordo com as regras, as partidas empatadas em 6-6 no set final passarão para um tiebreak e o primeiro jogador ou equipe a atingir 10 pontos com uma diferença de dois vencerá a disputa.

"A decisão é baseada em um forte desejo de criar maior consistência nas regras do jogo nos Grand Slams e, assim, melhorar a experiência para os jogadores e torcedores", disse o Grand Slam Board em comunicado.

"O Grand Slam planeja revisar o teste durante o curso de um ano inteiro, em consulta com WTA, ATP e ITF, antes de solicitar qualquer mudança permanente nas regras."

Cada um dos quatro Grand Slams tinha uma maneira diferente de decidir o set final anteriormente.

Enquanto o Aberto da Austrália usou o tiebreak de 10 pontos, o Aberto dos EUA em Nova York empregou os tradicionais tiebreaks mesmo no set final, com o primeiro jogador a atingir sete pontos com uma diferença de dois declarado vencedor.

Wimbledon tinha um tiebreak de sete pontos quando o placar apontava 12-12 no set final de todas as partidas no All England Lawn Tennis Club.

O Aberto da França, que começa em 22 de maio em Roland Garros, é atualmente o único que não tem um tiebreak final, com partidas continuando até que um jogador garanta uma vantagem de dois games no último set.

"Pode decepcionar os puristas, mas estamos orgulhosos de igualar os outros Grand Slams com um super tiebreak em 6-6 no quinto set", disse a nova diretora do torneio, Amelie Mauresmo.

(Reportagem de Sudipto Ganguly em Mumbai e Julien Pretot em Paris)

Últimas