Esportes Goleiro Bruno diz que vai largar o futebol para ser day trader

Goleiro Bruno diz que vai largar o futebol para ser day trader

Condenado pela morte de Eliza Samudio, jogador divulgou vídeo sobre nova fase no mundo dos investimentos: "a vida continua"

  • Esportes | Pablo Nascimento, do R7

O goleiro Bruno Fernandes divulgou um vídeo na internet, nesta quinta-feira (12), anunciando que irá largar o mundo do futebol para apostar no mercado financeiro como day trader.

A prática consiste na compra e venda diária de ações para tentar lucros com a variação dos valores ao longo do dia.

"Foi difícil para mim, mas deu. Eu não jogo mais bola. Pode ser que aconteça um evento ou outro. Pode ser que aconteça alguma coisa aqui no Rio de Janeiro para eu me aposentar de vez. Eu já ia falar com vocês, mas resolvi antecipar", disse o condenado a 20 anos de prisão pela morte da modelo Eliza Samudio durante transmissão em uma rede social.

Bruno aparece na gravação com um grupo de pessoas que acompanham movimentações financeiras pelo computador. "Galera, meu novo trabalho #daytrader", escreveu na legenda. O ex-jogador do Flamengo ainda conta que tem dedicado parte do tempo para estudar sobre o mercado.

Atualmente, o atleta cumpre pena em regime aberto. Ele foi solto em 2019, após quase nove anos detido em Minas Gerais. Desde então, o goleiro fez diferentes tentativas de se lançar no esporte novamente. Ele chegou a fechar contratos com os mineiros Boa Esporte e Poços de Caldas, e foi para o Acre defender o Rio Branco, na quarta divisão do campeonato local.

Em janeiro deste ano, Bruno deixou a capital acreana e voltou para o litoral do Rio de Janeiro, onde mora atualmente com a mulher, a dentista Ingrid Calheiros, e a filha do casasl, de 3 anos.

"Não sou frustrado. Dei o meu melhor. A vida continua. Não tem que ficar preso só no futebol", completou o atleta na transmissão em que anunciou a mudança de profissão.

10 anos depois: relembre a ordem dos fatos na morte de Eliza Samudio

Últimas