Esportes Garoto que desenhou própria camisa ganha uniforme oficial do Fluminense

Garoto que desenhou própria camisa ganha uniforme oficial do Fluminense

Torcedor do Fluminense, Raphael Magalhães viralizou no sábado ao improvisar uma camisa pintada à mão para acompanhar o primeiro jogo da decisão do Campeonato Carioca com o Flamengo. Nesta segunda-feira, o garoto de cinco anos foi convidado pelo clube, visitou o estádio das Laranjeiras e foi presenteado com o uniforme oficial.

Raphael foi recebido pelo presidente do clube, Mário Bittencourt, e, além da camisa, ganhou também um ano do plano Mascote do Sócio Futebol - modalidade exclusiva para crianças até 12 anos -, com direito a foto para a carteirinha feita na hora, já com o novo manto.

O garoto estava acompanhado dos pais, Zih e André Luis, e do irmão Thiago, de apenas um mês e que também recebeu o uniforme do Fluminense. Mas foi o padrinho Felipe, de 23 anos, quem mais se emocionou ao pisar em Laranjeiras.

Ele foi o responsável por influenciar o pequeno Raphael a torcer pelo Fluminense. Felipe foi quem levou o afilhado ao Maracanã pela primeira vez, na final da Taça Rio de 2018, quando o time tricolor bateu o Botafogo por 3 a 0 e conquistou o título.

"Meu irmão nunca foi muito ligado a futebol e eu sempre fui muito fanático. Então criamos essa relação. No sábado, fui com minha esposa e minha filha assistir ao jogo na casa deles, e estávamos os três com a camisa do Fluminense. Ele não tinha e quis pintar uma camisa branca. Depois que postamos nas redes sociais, gerou uma repercussão muito grande, que a gente não esperava", contou Felipe, em entrevista ao site oficial do Fluminense.

Além de visitar a Sala de Troféus, Raphael também bateu uma bola no gramado das Laranjeiras. A felicidade do filho emocionou sua mãe. "A verdade é que eu ainda não sei explicar o que estou sentindo. Só tenho a agradecer ao Fluminense por essa oportunidade e pelos presentes aos meus filhos. Agora vai ser difícil fazer o Raphael tirar essa camisa. Vai querer usar até para dormir", afirmou Zih, segurando o pequeno Thiago, também devidamente uniformizado.

Últimas