Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Torcida do Atlético-MG enquadra jogador em bar: 'Vim comer com a família'

Zaracho foi surpreendido pela Galoucura, principal organizada do time mineiro. Uniformizada criou 'disque-balada' para que atletas sejam entregues quando estiverem curtindo a noite em BH

Futebol|Do R7

Zaracho (segundo da esquerda para a direita) se defendeu e disse que estava com a família
Zaracho (segundo da esquerda para a direita) se defendeu e disse que estava com a família Zaracho (segundo da esquerda para a direita) se defendeu e disse que estava com a família

A Galoucura, principal organizada do Atlético-MG, criou um "disque-balada" para que jogadores sejam entregues quando estiverem curtindo a noite em Belo Horizonte. E a primeira "vítima" dos revoltados atleticanos com a má fase da equipe foi o meia Zaracho. O jogador foi "enquadrado" pelos torcedores em um bar/restaurante, e teve de dar explicações. O argentino explicou que estava "bebendo água" e se preparando para "comer com a família."

Zaracho foi poupado pelo técnico Cuca na derrota por 1 a 0 diante do Avaí. Ele se recupera de incômodo muscular e ainda não está confirmado para o jogo contra o Palmeiras, no dia 28, no Mineirão.

Mas o flagra da possível noitada, divulgado nas redes sociais da organizada, acabou não surtindo o efeito que os torcedores queriam, mesmo com o jogador sendo intimidado e obrigado a prestar satisfação como se estivesse na frente de um júri.

O meia deixou o local após conversa em clima nada amistoso, e depois usou suas redes sociais para esclarecer que não estava curtindo a noite, como chegou a ser acusado.

Publicidade

"Para as coisas (explicações) necessárias... Eu estava prestes a comer com a minha família, que veio da Argentina. Eu estava bebendo água e vivendo um momento tranquilo com pessoas que não vejo todos os dias", afirmou o jogador. "Posso ser cobrado? Sim! Mas, por outro lado, minha família ficou assustada", defendeu-se Zaracho.

Sob a ameaça de que "a farra acabou", os uniformizados prometeram rodar Belo Horizonte atrás dos jogadores da equipe, para impedi-los de sair no período noturno. "O disque-balada está ativo, então, se você viu o jogador do Atlético na balada, nos avise via WhatsApp, mande uma foto e localização, o resto deixa com os Pulgas! A farra acabou", intimida a torcida.

Técnico da Ucrânia promete 'pegar em armas' contra Rússia e é punido pela Uefa

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.