Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Técnico do feminino do Palmeiras critica Arthur Elias: 'Se fosse o Diniz, estava todo mundo dando porrada'

Novo treinador da seleção brasileira convocou dez jogadoras do Corinthians, time que comandava antes de aceitar convite da CBF

Futebol|

Ricardo Belli, técnico do time feminino do Palmeiras, criticou neste sábado, dia 2, a quantidade de jogadoras do Corinthians na primeira convocação de Arthur Elias, antigo treinador do rival e agora à frente da seleção brasileira no lugar de Pia Sundhage.

Segundo o comandante alviverde, o número de atletas chamadas foi "estranho" e jamais seria aceito na modalidade masculina, por exemplo. Ainda, disse que o futebol feminino às vezes é "terra de ninguém" e sugeriu um debate sobre o assunto nos meios de comunicação.

Ricardo Belli, técnico do time feminino do Palmeiras, criticou neste sábado, dia 2, a quantidade de jogadoras do Corinthians na primeira convocação de Arthur Elias, antigo treinador do rival e agora à frente da seleção brasileira no lugar de Pia Sundhage.

Segundo o comandante alviverde, o número de atletas chamadas foi "estranho" e jamais seria aceito na modalidade masculina, por exemplo. Ainda, disse que o futebol feminino às vezes é "terra de ninguém" e sugeriu um debate sobre o assunto nos meios de comunicação.

Publicidade

"Eu achei estranho ter dez jogadoras do mesmo time na mesma convocatória", disse o técnico antes do jogo do Palmeiras contra o SKA Brasil pelo Paulistão Feminino, sem citar o nome do rival e adicionando uma a mais ao número exato.

"Eu acho que vocês podem falar um pouco sobre isso também, porque se fosse o (Fernando) o Diniz fazendo isso no masculino, eu garanto que estava todo mundo dando porrada, ainda mais na véspera de uma Libertadores".

Publicidade

"O feminino às vezes é um pouco terra de ninguém", continuou o treinador. "A gente pode discutir um pouco sobre isso. Cabe sempre explicações, mas a gente tem de falar. Se a gente aceitar tudo no futebol feminino... eu vim do masculino, e com certeza o Diniz estaria com outra pressão e não faria isso também", concluiu Belli.

Na primeira convocação do técnico do Fluminense à frente da seleção, foram chamados apenas dois jogadores do tricolor: André e Nino.

Publicidade

O Palmeiras, que também disputará a Libertadores feminina de 2023, viu Bia Zaneratto e Amanda serem convocadas na primeira lista de Arthur Elias, enquanto o Internacional, terceiro representante do País na competição, não teve nenhuma atleta na lista. A competição terá início em outubro, com o sorteio da fase de grupos marcado para 15 de setembro.

O alviverde é o atual campeão e o Corinthians, o maior vencedor, empatado com o São José (SP), com três títulos.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.