Campeonato Brasileiro

Futebol Técnico do Corinthians, Vítor Pereira acredita em mal entendido sobre acusação de injúria racial

Técnico do Corinthians, Vítor Pereira acredita em mal entendido sobre acusação de injúria racial

Edenílson, do Internacional, afirmou ter sido chamado de 'macaco' pelo lateral-direito Rafael Ramos, do Timão

  • Futebol | Do Live Futebol BR

Técnico Vítor Pereira em campo no jogo do Corinthians

Técnico Vítor Pereira em campo no jogo do Corinthians

Rodrigo Coca / Agência Corinthians

A acusação de injúria racial por parte do lateral-direito Rafael Ramos, do Corinthians, com o volante Edenílson, do Internacional, tomou conta da entrevista coletiva do técnico Vítor Pereira. O treinador do Timão acredita em um mal entendido na ofensa, já que o jogador do clube de Parque São Jorge é português.

"Eu acredito nas pessoas. Acredito no Rafael e no que ele me disse. Pelo o que conheço, da educação do Rafael, acho praticamente impossível ele ter um comportamento como o Edenílson diz que teve. Eu falei com o Edenílson, acredito que ele percebeu da forma como entendeu. Eu já tive essa experiência. Português e o brasileiro não são as mesmas línguas. Nós dizemos coisas que vocês não entendem, e a mesma coisa vocês com os portugueses. Eu tenho feito esse esforço de falar mais em brasileiro, que não é a mesma coisa. Eu não estou dizendo quem está certo. Acredito nos dois", afirmou Vítor Pereira.


Vítor Pereira disse acreditar na versão dos dois no episódio, pois falou com ambos, mas reforçou que acredita que Edenílson entendeu errado as palavras de Rafael Ramos.

"Eu não conheço o Edenílson, mas parto do pressuposto que é honesto, mas pode ter entendido errado. Eu conheço o Rafael melhor, e nunca vi nada, é uma pessoa educada, com anos e anos de carreira. Eu não sei se já disseram o que o Rafael diz que disse. Então não vou repetir, não quero dizer palavrões, já basta os que eu digo no campo. Eles já conversaram. Um diz que disse uma coisa, o outro diz que entendeu outra, portanto... Eu acredito nos dois, mas creio em uma má interpretação do Edenílson", completou o técnico.

Após a partida, a Polícia Civil foi ao vestiário do Inter e Edenílson irá fazer um boletim de ocorrência contra o lateral-direito corintiano.

Alisson brilha nos pênaltis e Liverpool leva a FA Cup: Veja os destaques do futebol europeu

Últimas