Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Série B: Depois de 13 anos, Guarani e Bahia voltam a se enfrentar

Bugre jamais perdeu para o Tricolor de Aço no Brinco de Ouro, palco do jogo neste sábado (16) pela segunda divisão nacional

Futebol|Do Live Futebol BR

Goleiro Maurício Kozlinski em treino pelo Guarani
Goleiro Maurício Kozlinski em treino pelo Guarani Goleiro Maurício Kozlinski em treino pelo Guarani

A 18ª rodada da Série B do Brasileiro terá mais um duelo de campeões da primeira divisão neste sábado (16). A partir das 18h30, o Guarani, que levantou a taça do Brasileiro de 1978, recebe o Bahia, campeão da elite em 1959 e 1988.

O duelo no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas, acontece 13 anos após o último encontro entre eles. A última partida foi disputada no dia 21 de novembro de 2009, também pela Série B, e o Bahia venceu por 2 a 1, em Pituaçu.

Nesta temporada, as equipes entram em campo em situações opostas. Enquanto o time baiano briga pelas primeiras posições, estando em terceiro com 30 pontos ganhos, o Bugre luta contra o rebaixamento. O time campineiro soma apenas 17 e segue no Z4.

Apesar da situação delicada, o Guarani vem de vitória diante do líder Cruzeiro. Autor do único gol do jogo, o lateral-direito Mateus Ludke afirmou que cada jogo deve ser tratado como uma final pela equipe, independentemente da posição do adversário na tabela de classificação.

Publicidade

Leia também

“O Bahia é uma grande equipe, vem numa boa sequência, mas nós vamos procurar ter a mesma entrega. O Guarani não pode estar nessa situação. É uma camisa grande e precisa estar lá em cima. A vitória ajuda porque dá confiança e aos poucos as coisas vão dando certo”, disse Ludke ao site do Bugre.

Força em casa

Publicidade

A favor do Guarani está o desempenho diante do Bahia no Brinco de Ouro. Em jogos oficiais, o time nunca foi derrotado como mandante: 18 jogos com 11 vitórias bugrinas e sete empates.

O último duelo no Brinco aconteceu no dia 15 de agosto de 2009, também pela Série B, e deu Guarani: 2 a 1.

Publicidade

FICHA TÉCNICA

Guarani x Bahia

Local: Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP)

Data e hora: sábado (16), às 18h30 (de Brasília)

Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (RJ / FIFA)

Assistentes: Rodrigo Henrique Correa (RJ / FIFA) e Thiago Rosa de Oliveira (RJ)

VAR: Carlos Eduardo Nunes Braga (RJ)

GUARANI: Mauricio Kozlinski; Ludke, João Victor, Derlan e Lucas Ramon; Eduardo Person, Leandro Vilela e Silas; Yago César, Giovanni Augusto e Maxwell. Técnico: Mozart Santos

BAHIA: Danilo Fernandes; André Dhominique, Luiz Otávio, Ignácio, Gabriel Xavier e Matheus Bahia; Patrick de Lucca, Lucas Mugni e Danielzinho; Raí Nascimento e Matheus Davó. Técnico: Enderson Moreira

'Norte-Sul deste país': torcida do Vasco lota estádios na Série B

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.