Futebol Senador lamenta Copa América no país e quer ouvir presidente da CBF

Senador lamenta Copa América no país e quer ouvir presidente da CBF

"Mesmo avisado sobre 3ª onda, o presidente da República abre o Brasil para um torneio de futebol", disse Randolfe Rodrigues

  • Futebol | Do R7

Senador lamenta Copa América e disse querer ouvir Rogério Caboclo, presidente da CBF, na CPI

Senador lamenta Copa América e disse querer ouvir Rogério Caboclo, presidente da CBF, na CPI

CBF

Durante a CPI da Pandemia, que hoje ouve a médica Luana Araújo, o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), protocolou requerimento para convocar, de forma urgente, o presidente da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), Rogério Caboclo, para ser ouvido pelos senadores quais são as medidas sanitárias e os protocolos que serão adotados para os 11 países que vão chegar ao Brasil para a realização da Copa América, que tem início marcado para 13 de junho. 

"Protocolei requerimento convocando o presidente da CBF, para dizer se tomou todas as providências necessárias para realizar um campeonato de futebol continental aqui, em um intervalo de menos de 2 dias depois que colombianos e argentinos negaram", disse o senador Randolfe Rodrigues. "O senhor presidente da CBF tem que estar aqui, diante de nós, para dizer quais são as medidas sanitárias para os 11 países da América do Sul que virão para cá", emendou.

"Uma semana depois do ministro da Saúde advertir da eminência de uma terceira onda, o presidente da República abre o país para a realização de um campeonato de futebol. Trazer 11 nações para cá, pelo menos 1.500 pessoas, só para satisfazer desejos. Loho após o senhor ministro da Saúde, do próprio presidente, advertir sobre a terceira onda. Não me parece um comportamento adequado", pontuou o senador, se mostrando contrário a realização do torneio no Brasil.

"O que eu mais quero é que esse número (de mortes), pare de crescer. Isso são vidas, são amigos, parentes nossos. A cada dia é algum ente querido, um compatriota brasileiro, uma família que é despedaçada", completou Randolfe.

Aguero deu relógios e sorteou carro a funcionários do Manchester City

Últimas