Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Na estreia de Diniz, seleção enfrenta a Bolívia pelo primeiro jogo das Eliminatórias da Copa

Elogiado pelo treinador, Neymar segue prestigiado no grupo; saiba como chegam os dois times para a partida

Futebol|Do R7


Diniz não poupou elogios a Neymar, que volta à seleção
Diniz não poupou elogios a Neymar, que volta à seleção

Com muitas novidades, a seleção brasileira inicia a caminhada em busca do hexa nesta sexta-feira (8), às 21h45, pela primeira rodada das eliminatórias da Copa do Mundo, contra a Bolívia.

Após a queda precoce no último mundial e a má impressão deixada nos últimos amistosos, o time de Fernando Diniz joga no estádio Mangueirão, no Pará, com expectativa de ótimo público.

O Brasil volta ao estado do Norte do país após 12 anos. A última vez em que a seleção jogou no Mangueirão foi em 2011, pelo Superclássico das Américas. A equipe venceu a Argentina por 2 a 0, com gols de Neymar e Lucas Moura.

O que esperar do Brasil

Em relação ao time convocado por Tite no último mundial, 11 jogadores seguem na lista. Dos outros 12 nomes, alguns estrearam pelo time neste ano, outros fizeram parte de ciclos passados.

Publicidade

Neymar, que chegou a sinalizar que poderia se aposentar da seleção após a eliminação contra a Croácia, nas quartas de final da Copa do Catar, segue no grupo.

Embora o jogador tenha deixado o futebol europeu para se aventurar no endinheirado futebol saudita, no Al-Hilal, continua prestigiado com a comissão técnica, e deve seguir como líder do grupo.

Publicidade

“Conversei com ele recentemente e ele se mostrou muito disposto, extremamente feliz pela oportunidade de a gente construir uma história na aqui na seleção. Vocês já sabem o que penso em relação a ele, mas vou repetir: é um jogador que é muito difícil aparecer outro. Um talento muito raro do futebol mundial e merece até o final de sua carreira, pelo imenso talento que ele tem, escrever o capítulo mais bonito da sua história. Que para mim ainda não foi escrito”, afirmou Diniz, após a convocação.

Diniz na seleção

Diniz faz sua estreia com a seleção
Diniz faz sua estreia com a seleção

A chegada de Fernando Diniz como treinador interino da seleção até julho de 2024 trouxe um ânimo diferente para a sequência da seleção.

Publicidade

O comandante do Fluminense, após muita contestação, vem provando o seu valor pelo trabalho no Tricolor das Laranjeiras, que faz ótima campanha no Brasileirão, e está nas semifinais da Libertadores.

Como chega a Bolívia?

Uma das seleções mais frágeis do continente, La Verde sofre com o lento processo de renovação de atletas e é o azarão das Eliminatórias. No ranking da Fifa, a seleção boliviana é apenas a 81ª.

Bolívia tenta voltar à Copa do Mundo após 32 anos
Bolívia tenta voltar à Copa do Mundo após 32 anos

O grande nome da seleção segue sendo o centroavante Marcelo Moreno, que pode se tornar, nesta sexta, o jogador com mais jogos pela seleção — 103 partidas, caso entre em campo.

Para as duas primeiras rodadas da disputa, o treinador Gustavo Costas chamou 48 jogadores para a seleção — mais que o dobro do Brasil.

Desse grupo, apenas dez atletas jogam fora do país. Destaque para a dupla santista, Miguelito Terceros, que aos 19 anos já é titular da seleção, e Enzo Monteiro.

Sem se classificar para mundiais desde 1994, o time aposta nos jogos como mandante, nas altas altitudes de La Paz, para somar pontos e tentar uma das seis vagas oferecidas a países sul-americanos.

Ficha técnica

Brasil x Bolívia

Primeira rodada das eliminatórias da Copa do Mundo

Data e hora: sexta-feira (8), às 21h45

Estádio: Mangueirão, Pará

Escalações prováveis

Brasil: Alisson; Danilo, Marquinhos, Nino (Gabriel Magalhães), Renan Lodi; Casemiro, André (Bruno Guimarães), Raphael Veiga; Gabriel Martinelli; Gabriel Jesus, Rodrygo.

Técnico: Fernando Diniz

Bolívia: Viscarra; Roca, Jusino, Suárez; Gabriel Villamil, Luciano Ursino, Ervin Vaca; Miguel Terceros, Diego Medina; Marcelo Moreno, Jaume Cuéllar

Técnico: Gustavo Costas

Histórico recente mostra que seleção traz má sorte para jogadores e treinadores; entenda

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.