Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Brasil busca liderança na Copa América em reencontro de Dorival e James Rodríguez

Um empate garante a classificação da seleção brasileira e uma vitória tira o Uruguai do caminho das oitavas de final

Seleção brasileira|Do R7


Dorival pode poupar Militão, Vini Jr, Wendell e Paquetá pendurados com cartão amarelo Rafael Ribeiro/Divulgação CBF — 01.07.2024

Brasil e Colômbia fazem o confronto mais esperado da fase de grupos da Copa América nesta terça-feira, às 22h (horário de Brasília), no Levi’s Stadium, em Santa Clara, na Califórnia, nos Estados Unidos. Junto de Argentina e Uruguai, as seleções estão entre as melhores do torneio.

O duelo deve selar a classificação da equipe brasileira e definirá o líder do Grupo D, o que estabelece os jogos das quartas de final, contra os classificados do Grupo C.

Após a vitória diante do Paraguai e o atropelo colombiano contra Costa Rica, a situação ficou mais confortável para a equipe de Dorival Júnior. Um empate nesta terça já garante a classificação A possibilidade de perder a vaga depende, além de uma derrota, uma vitória costa-riquenha contra os paraguaios por mais de três gols de diferença. Ficar em primeiro lugar do grupo, entretanto, garante livrar-se do Uruguai nas quartas.

O desempenho contra o Paraguai mostrou evolução. Não só pelo número de gols (4 a 1), mas por mais participação de Vinicius Júnior no jogo, além das entradas de Wendell e Savinho nos lugares de Arana e Raphinha, respectivamente.

Publicidade

Dorival não divulgou o time inicial e nem se será o mesmo que começou o jogo da segunda rodada. Considerando os dois amistosos pré-Copa América e as duas rodadas do torneio, Dorival já experimentou todos os jogadores de linha em situação de jogo.

Éder Militão, Wendell, Lucas Paquetá e Vini Jr. estão pendurados com cartões amarelos. É especulada a saída de Paquetá para a entrada de um meia de mais marcação, como Douglas Luiz ou Ederson.

Publicidade

Em entrevista coletiva, Bruno Guimarães comentou a possibilidade de um time alternativo. Com bom humor, o meia fez um “pedido” ao treinador.

“Dorival, se for poupar, já não me poupe porque eu quero jogar. Sou fominha para caramba, quero estar em campo. Se tomar o cartão pega para as quartas, então não sei o que vai acontecer.”

O camisa 5 também falou sobre as suspensões sofridas por treinadores em casos de atrasos no retorno para o campo após os intervalos dos jogos. Até o momento, os técnicos Marcelo Bielsa (Uruguai), Lionel Scaloni (Argentina), Ricardo Gareca (Chile) e Fernando Batista (Venezuela) foram suspensos por um jogo, além de receberem multa.

“Temos que ficar olhando o cronômetro no vestiário para não deixar passar, apesar de eu achar que a Conmebol tem coisa mais importante para se preocupar do que isso”, afirmou o jogador. A crítica endereçada soma-se ao que Vinicius Júnior falou após a vitória na segunda rodada. O atacante reclamou da arbitragem e do tratamento dado pela entidade à seleção brasileira.

James Rodríguez

Apesar da vaga garantida e de ter mais probabilidade de acabar com a liderança no grupo, o time colombiano vai a campo com força máxima diante do Brasil. O treinador Néstor Lorenzo quer manter os 100% de aproveitamento.

Uma vitória contra o Brasil, repetindo o confronto das Eliminatórias em novembro do ano passado, faz o anímico do time ficar mais forte para o mata-mata A Colômbia não perde desde fevereiro de 2022, com 25 jogos de invencibilidade.

Entretanto, o elenco também enfrenta riscos de suspensão em caso de cartões amarelos. Os pendurados são Jefferson Lerma, o palmeirense Richard Ríos e Jhon Córdoba.

O técnico Lorenzo está disposto a arriscar para garantir a primeira posição. Em números, as seleções brasileira e colombiana apresentam semelhanças em criação de jogadas. O Brasil tem média de 10,5 finalizações nas duas primeiras rodadas, contra 7,5 da Colômbia

Além do clima de decisão, a partida marca o reencontro de James Rodríguez com Dorival Jr. O técnico comandava o São Paulo quando o colombiano chegou ao elenco são-paulino.

O meia passou ainda pelos trabalhos de Thiago Carpini e Luis Zubeldía, mas nunca conseguiu conquistar espaço na equipe. Na seleção, ele é peça essencial.

Uma possível mudança da seleção colombiana passaria pelo ingresso do meia Quintero no onze inicial, para ocupar o meio de campo e permitir que James fique mais próximo do gol brasileiro.

Ele ainda não marcou na Copa América, mas participou de gols colombianos e tem tido destaque junto dos companheiros, principalmente Luis Díaz, atacante do Liverpool.

Costa Rica X Paraguai

Simultaneamente ao duelo entre Brasil e Colômbia, as demais seleções do Grupo D jogam no Q2 Stadium, em Austin, no Texas. O Paraguai já não tem chances de classificação. Para a Costa Rica, é preciso de uma goleada e contar com vitória colombiana.

FICHA TÉCNICA:

BRASIL X COLÔMBIA

BRASIL - Alisson; Danilo, Militão, Marquinhos e Wendell; João Gomes, Bruno Guimarães e Lucas Paquetá; Savinho, Rodrygo e Vinicius Júnior. Técnico: Dorival Júnior

COLÔMBIA - Vargas; Muñoz, Sánchez, Lucumí e Mojica; Lerma e Richard Ríos; Arias, James Rodríguez e Luis Díaz; Rafael Borré. Técnico: Néstor Lorenzo

ÁRBITRO - Jesús Valenzuela (VEN)

HORÁRIO - 22 horas

LOCAL - Levi’s Stadium, em Santa Clara, nos Estados Unidos

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.