Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

São Paulo joga na altitude com o sonho da vaga antecipada nas oitavas da Libertadores

Mais uma vez, o técnico Zubeldía decide não escalar James Rodríguez

Futebol|Do Estadão Conteúdo

São Paulo volta a campo nesta quarta (8) para ratificar boa fase com Zubeldía (JHONY PINHO/Estadão Conteúdo - 08.05.2024)

O São Paulo entra em campo nesta quarta-feira (8), às 21h30 (horário de Brasília), mirando uma classificação antecipada para as oitavas de final da Copa Libertadores. O time brasileiro encara o Cobresal, no Chile, em partida válida pela 4ª rodada do torneio continental.

A equipe tricolor está na segunda colocação do Grupo B, com 6 pontos. Para se classificar, o São Paulo precisa vencer o Cobresal, lanterna com apenas 1 ponto, e torcer para o Barcelona de Guayaquil, terceiro colocado, com 2, não vencer o líder Talleres, com 7. O duelo entre argentinos e equatorianos será nesta quinta (9), às 19h.

O duelo desta quarta será no Estádio Zorros del Desierto, em Calama, na região do Deserto do Atacama, a 2.660 metros de altitude. O Cobresal é de El Salvador, a mil quilômetros de da capital Santiago, mas o estádio El Cobre, onde manda seus jogos, não cumpre os requisitos determinados pela Conmebol.

Esta será apenas a quinta partida do time são-paulino sob o comando de Luis Zubeldía. Desde a chegada do técnico argentino, a equipe venceu três partidas (Barcelona, Águia de Marabá e Vitória), todas fora de casa, e empatou uma, quando ficou no 0 a 0 com o Palmeiras, no MorumBis. Contando com a vitória fora de casa sobre o Atlético-GO, pela segunda rodada do Brasileirão, com o interino Milton Cruz à beira do gramado, o São Paulo está invicto há cinco partidas.

Publicidade

Recuperado de lesão, James Rodríguez foi barrado e mais uma vez não foi relacionado por Zubeldía. O jogador esteve à disposição nas últimas duas partidas, mas foi preterido pelo treinador. Após o triunfo sobre o Vitória, o treinador explicou que toma as decisões com base “no que vê” nos treinamentos. Apesar da expectativa, o desempenho do meia nunca encheu os olhos dos torcedores, com o atleta amargando o banco de reservas na maioria dos jogos, mesmo com Wellington Rato, Lucas Moura e Pablo Maia machucados.

”O treinador vai ser julgado pelo resultado final, não é? Mas há algo que eu aprendi em 15 anos de profissão, que sempre as decisões vão estar em função do que vejo e em função do conjunto. Então, todos estão considerados, mas ao final do dia ou antes dos jogos, tenho de tomar decisões”, explicou.

Publicidade

A tendência é que Zubeldía leve a campo o mesmo time que venceu o Vitória, por 3 a 1, no domingo, repetindo o esquema com três zagueiros. Existe ainda a possibilidade de André Silva entrar como titular na vaga de um dos defensores para aumentar o poder de fogo da equipe. Lucas Moura e o lateral-esquerdo Wellington ainda se recuperam de lesão e não viajaram ao Chile. O veterano Luiz Gustavo, que voltou a ser relacionado depois de se recuperar de um problema no tendão de Aquiles, pode estrear pelo time na Libertadores.

FICHA TÉCNICA COBRESAL X SÃO PAULO

Publicidade

COBRESAL - Requena; Pacheco, Bechtholdt, Alarcón e Sandoval; Navarro, Mesias, Munder e García (Valencia); Diego Coelho, Lezcano Treinador: Gustavo Huerta

SÃO PAULO - Rafael; Diego Costa, Arboleda, Alan Franco; Igor Vinícius, Bobadilla, Alisson, Nestor e Michel Araújo; Luciano e Calleri. Técnico: Luis Zubeldía.

ÁRBITRO - Juan Lopez (PAR).HORÁRIO - 21h30 (horário de Brasília).LOCAL - Estádio Zorros del Desierto, em Calama (Chile).

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.