Futebol Renato Gaúcho sobre Grêmio: 'Joga melhor futebol do Brasil'

Renato Gaúcho sobre Grêmio: 'Joga melhor futebol do Brasil'

Com 16 jogos invicto e na briga por três títulos, treinador mostra conhecer elenco. Tricolor se prepara para enfrentar Santos, pela Libertadores

Agência Estado - Esportes
Com 16 jogos invicto, técnico acredita que equipe joga melhor futebol do país

Com 16 jogos invicto, técnico acredita que equipe joga melhor futebol do país

Lucas Uebel/Grêmio FBPA

O Grêmio está vivo na luta por três títulos nesta temporada: Campeonato Brasileiro, Copa Libertadores e Copa do Brasil. A goleada por 4 a 0 sobre o Vasco, no domingo, em Porto Alegre, pelo Nacional, elevou a série invicta da equipe para 16 partidas e a colocou entre as primeiras colocadas. Nesta quarta-feira (9), as atenções se voltam para as quartas de final da competição continental contra o Santos, mas o técnico Renato Gaúcho não tem dúvidas sobre quem é a melhor do País neste momento.

"Eu respeito todas as opiniões, mas o Grêmio joga o melhor futebol do Brasil. No momento, o melhor é o do Grêmio. É o que tenho visto. Vínhamos conseguindo alguns pontos importantes (no Brasileirão) e nos mantivemos no meio da tabela, pois tinha muitos jogadores no departamento médico. Quando eles voltaram, sabia que o time ia jogar bem. É o que tem acontecido e não é surpresa, pois conheço esse grupo melhor do que ninguém", declarou.

O treinador gremista destacou que a evolução da equipe, que voltou a demonstrar qualidade em um momento decisivo da temporada. "É intenso e busca sempre o gol. Nestes quatro anos, o Grêmio tem uma maneira de jogar. Em alguns momentos, trocamos o esquema, mas a forma de jogar é a mesma. Muita posse de bola e objetividade. Tenho rodado o grupo a cada três dias e eles têm dado conta do recado", afirmou.

Mas Renato Gaúcho sabe que o time ainda tem o que melhorar em campo. Para ele, é preciso acertar alguns detalhes para seguir disputando os títulos das três competições que participa.

"Nunca estamos 100%, pois sempre falta alguma coisa. Não é porque vencemos o jogo, que não vi coisas que temos que corrigir. Normal, mas corrijo com os jogadores. Mais uma vez não demos espaços para o adversário. Pressionamos bastante, criamos oportunidades, marcamos quatro gols e não demos chances. Rodando o grupo, o que é importante, pois a cada três dias temos uma decisão. Independentemente de quem entra, temos dado o máximo e temos conseguidos os resultados", comemorou.

O Grêmio inicia nesta segunda-feira a preparação para enfrentar o Santos, no primeiro jogo das quartas de final da Libertadores. A partida está marcada para esta quarta-feira, às 19h15, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre. A volta ocorre uma semana depois, no mesmo horário, no estádio da Vila Belmiro, em Santos. Pelo Brasileirão, o próximo compromisso será contra o lanterna Goiás, no sábado, às 21 horas, em Goiânia.

Curta a página do R7 Esportes no Facebook

Diego Souza se torna 10º maior artilheiro de todos Brasileiros; veja

Últimas