Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Relembre as seleções da Bola de Prata, ano a ano, desde 1970

Criado em 1970 pela revista Placar e organizado desde 2016 pela ESPN, a Bola de Prata, que premia os melhores do Brasileirão, chega a sua 49ª edição

Futebol|Rodolfo Rodrigues, do R7


Jô foi o melhor do prêmio Bola de Prata em 2017
Jô foi o melhor do prêmio Bola de Prata em 2017

Mais tradicional prêmio do futebol brasileira, a Bola de Prata, que premia os melhores do Campeonato Brasileiro, criada pela revista Placar em 1970 e organizada pela ESPN desde 2016, chega a sua 49ª edição em 2018.

Nesta segunda-feira (3), às 12h30, a ESPN e o PlayPlus transmitem a cerimônia de premiação dos melhores jogadores do Campeonato Brasileiro de 2018. 

Na história, desde 1970, o prêmio já consagrou craques Zico, Rogério Ceni, Júnior, Renato Gaúcho, Falcão, Careca, que estão entre os maiores ganhadores, além de artilheiros como Romário, Edmundo, Fred e estrangeiros como Tevez, Rincón, Guerrero, Gamarra, Figueroa, Darío Pereyra, entre os outros. 

Gênios como Pelé e Neymar ganharam o prêmio Hors Concours da revista Placar. O Rei, no início dos anos 1970, e Neymar, em 2012, depois de ganhar o prêmio Bola de Ouro em 2011. Naquele ano, aliás, o craque do Santos recebeu o prêmio com a maior média (7,12 pontos), desde a mudança no critério de pontuação, em 1995. Desde 2017, o prêmio conta com a pontuação composta por 40% de estatísticas (o Algoritmo DataESPN) + 60% das notas dos jornalistas.

Publicidade

Relembre todas os ganhadores do prêmio Bola de Prata desde 1970:

1970

Publicidade

Picasso (Bahia), Humberto Monteiro (Atlético-MG), Brito (Cruzeiro), Reyes (Flamengo) e Everaldo (Grêmio); Zanata (Flamengo), Dirceu Lopes (Cruzeiro) e Samarone (Fluminense); Vaguinho (Atlético-MG), Tostão (Cruzeiro) e Paulo César Caju (Botafogo)

Hour concours: Pelé (Santos)

Publicidade

1971

Andrada (Vasco), Humberto Monteiro (Atlético-MG), Pescuma (Coritiba); Vantuir (Atlético-MG) e Carlindo (Ceará); Vanderlei (Atlético-MG), Dirceu Lopes (Cruzeiro) e Rivelino (Corinthians); Antônio Carlos (América-RJ), Tião Abatiá (Coritiba) e Edu (Santos)

Bola de ouro: Dirceu Lopes (Cruzeiro), concedida de forma retroativa, em 2013

1972

Leão (Palmeiras), Aranha (Remo), Figueroa (Internacional), Beto (Grêmio) e Marinho Chagas (Botafogo); Piazza (Cruzeiro), Ademir da Guia (Palmeiras) e Zé Roberto (Coritiba); Osni (Vitória), Alberi (ABC-RN) e Paulo César Caju (Flamengo).

1973

Cejas (Santos), Zé Maria (Corinthians), Ancheta (Grêmio), Alfredo (Palmeiras) e Marinho Chagas (Botafogo); Pedro Omar (América-MG), Dirceu Lopes (Cruzeiro) e Pedro Rocha (São Paulo); Zequinha (Botafogo), Mirandinha (São Paulo) e Mário Sérgio (Vitória).

Bola de Ouro: Cejas (Santos) e Ancheta (Grêmio)

1974

Joel Mendes (Vitória), Louro (Fortaleza), Figueroa (Internacional), Miguel (Vasco) e Wladimir (Corinthians); Dudu (Palmeiras), Mário Sérgio (Vitória) e Zico (Flamengo); Osni (Vitória), Luisinho (América-RJ) e Lula (Internacional).

Bola de Ouro: Zico (Flamengo)

1975

Valdir Peres (São Paulo), Nelinho (Cruzeiro), Figueroa (Internacional), Amaral (Guarani) e Marco Antônio (Fluminense); Falcão (Internacional), Carpegiani (Internacional) e Zico (Flamengo); Gil (Fluminense), Palhinha (Cruzeiro) e Ziza (Guarani).

Bola de Ouro: Valdir Peres (São Paulo)

Artilheiro: Flávio (Internacional)

1976

Manga (Internacional), Perivaldo (Bahia), Figueroa (Internacional), Beto Fuscão (Grêmio) e Wladimir (Corinthians); Toninho Cerezo (Atlético-MG), Paulo César Caju (Fluminense) e Paulo Isidoro (Atlético-MG); Valdomiro (Internacional), Doval (Fluminense) e Lula (Internacional).

Bola de Ouro: Figueroa (Internacional)

Artilheiro: Dario (Internacional)

1977

Édson (Remo), Zé Maria (Corinthians), Oscar (Ponte Preta), Polozi (Ponte Preta) e Marco Antônio (Vasco); Toninho Cerezo (Atlético-MG), Adílio (Flamengo) e Zico (Flamengo); Tarciso (Grêmio), Reinaldo (Atlético-MG) e Paulo César Caju (Botafogo).

Bola de Ouro: Toninho Cerezo (Atlético-MG)

Artilheiro: Reinaldo (Atlético-MG)

1978

Manga (Operário-MS), Rosemiro (Palmeiras), Rondinelli (Flamengo), Deodoro (Coritiba) e Odirlei (Ponte Preta); Caçapava (Internacional), Falcão (Internacional) e Adílio (Flamengo); Tarciso (Grêmio), Paulinho (Vasco) e Jésum (Bahia).

Bola de Ouro: Falcão (Internacional)

Artilheiro: Paulinho (Vasco)

1979

João Leite (Atlético-MG), Nelinho (Cruzeiro), Osmar (Atlético-MG), Mauro Galvão (Internacional) e Pedrinho (Palmeiras); Pires (Palmeiras), Falcão (Internacional) e Jorge Mendonça (Palmeiras); Jorginho (Palmeiras), Roberto (Vasco) e Joãozinho (Cruzeiro).

Bola de Ouro: Falcão (Internacional)

Artilheiros: César (América-RJ) e Roberto César (Cruzeiro)

1980

Carlos (Ponte Preta), Nelinho (Cruzeiro), Joãozinho (Santos), Luizinho (Atlético-MG) e Júnior (Flamengo); Toninho Cerezo (Atlético-MG), Batista (Internacional) e Sócrates (Corinthians); Botelho (Desportiva-ES), Baltazar (Grêmio) e Mário Sérgio (Internacional).

Bola de Ouro: Toninho Cerezo (Atlético-MG)

Artilheiro: Zico (Flamengo)

1981

Benitez (Internacional), Perivaldo (Botafogo), Moisés (Bangu), Dario Pereyra (São Paulo) e Marinho Chagas (São Paulo); Zé Mário (Ponte Preta), Elói (Inter de Limeira) e Paulo Isidoro (Grêmio); Paulo César (São Paulo), Roberto (Vasco) e Mário Sérgio (Internacional).

Bola de Ouro: Paulo Isidoro (Grêmio)

Artilheiro: Nunes (Flamengo)

1982

Carlos (Ponte Preta), Leandro (Flamengo), Juninho (Ponte Preta), Edinho (Fluminense) e Wladimir (Corinthians); Batista (Grêmio), Pita (Santos) e Zico (Flamengo); Lúcio (Guarani) e Careca (Guarani) e Biro-Biro (Corinthians).

Bola de Ouro: Zico (Flamengo)

Artilheiro: Zico (Flamengo)

1983

Roberto Costa (Atlético-PR), Nelinho (Atlético-MG), Márcio Rossini (Santos), Dario Pereyra (São Paulo) e Júnior (Flamengo); Dema (Santos), Paulo Isidoro (Santos) e Pita (Santos); Jorginho (Palmeiras), Reinaldo (Atlético-MG) e Éder (Atlético-MG).

Bola de Ouro: Roberto Costa (Atlético-PR)

Artilheiro: Serginho (Santos)

1984

Roberto Costa (Vasco), Édson (Corinthians), Ivan (Vasco), De Leon (Grêmio) e Júnior (Flamengo); Pires (Vasco), Romerito (Fluminense) e Assis (Fluminense), Renato Gaúcho (Grêmio), Roberto (Vasco) e Tato (Fluminense).

Bola de Ouro: Roberto Costa (Vasco)

Artilheiro: Roberto (Vasco)

1985

Rafael (Coritiba), Luiz Carlos Winck (Internacional), Leandro (Flamengo), Mauro Galvão (Internacional) e Baby (Bangu); Dema (Internacional), Alemão (Botafogo) e Rubén Paz (Internacional); Marinho (Bangu), Careca (São Paulo) e Ado (Bangu).

Bola de Ouro: Marinho (Bangu)

Artilheiro: Edmar (Guarani)

1986

Gilmar (São Paulo), Alfinete (Joinville), Ricardo Rocha (Guarani), Dario Pereyra (São Paulo) e Nelsinho (São Paulo); Bernardo (São Paulo), Pita (São Paulo) e Jorginho (Palmeiras); Sérgio Araújo (Atlético-MG), Careca (São Paulo) e João Paulo (Guarani).

Bola de Ouro: Careca (São Paulo)

Artilheiro: Careca (São Paulo)

1987

Taffarel (Internacional), Luiz Carlos Winck (Internacional), Aloísio (Internacional), Luizinho (Atlético-MG) e Mazinho (Vasco); Norberto (Internacional), Milton (Coritiba) e Zico (Flamengo); Renato Gaúcho (Flamengo), Renato (Atlético-MG) e Berg (Botafogo).

Bola de Ouro: Renato Gaúcho (Flamengo)

Artilheiro: Müller (São Paulo)

1988

Taffarel (Internacional), Alfinete (Grêmio), Aguirregaray (Internacional), Pereira (Bahia) e Mazinho (Vasco); Paulo Rodrigues (Bahia), Adílson Heleno (Criciúma) e Bobô (Bahia); Vivinho (Vasco), Nílson (Internacional) e Zinho (Flamengo).

Bola de Ouro: Taffarel (Internacional)

Artilheiro: Nílson (Internacional)

1989

Gilmar (São Paulo), Balu (Cruzeiro), Ricardo Rocha (São Paulo), Paulo Sérgio (Atlético-MG) e Mazinho (Vasco); Elzo (Palmeiras), Raí (São Paulo) e Bobô (São Paulo); Bismarck (Vasco), Bizu (Náutico) e Túlio (Goiás).

Bola de Ouro: Ricardo Rocha (São Paulo)

Artilheiro: Túlio (Goiás)

1990

Ronaldo (Corinthians), Gil Baiano (Bragantino), Adílson (Cruzeiro), Marcelo (Corinthians) e Biro-Biro (Bragantino); César Sampaio (Santos), Tiba (Bragantino) e Luís Fernando (Internacional), Renato Gaúcho (Flamengo), Mazinho (Bragantino) e Careca (Palmeiras).

Bola de Ouro: César Sampaio (Santos)

1991

Marcelo (Bragantino), Gil Baiano (Bragantino), Márcio Santos (Internacional), Ricardo Rocha (São Paulo) e Leonardo (São Paulo); Mauro Silva (Bragantino), Júnior (Flamengo) e Neto (Corinthians); Mazinho (Bragantino), Túlio (Goiás) e Careca (Palmeiras).

Bola de Ouro: Mauro Silva (Bragantino)

Artilheiro: Paulinho McLaren (Santos)

1992

Gilberto (Sport), Cafu (São Paulo), Aílton (Sport), Alexandre Torres (Vasco) e Válber (Botafogo); Mauro Silva (Bragantino), Júnior (Flamengo) e Zinho (Flamengo); Renato Gaúcho (Botafogo), Bebeto (Vasco) e Nélio (Flamengo).

Bola de Ouro: Júnior (Flamengo)

Artilheiro: Bebeto (Vasco)

1993

Dida (Vitória), Cafu (São Paulo), Antônio Carlos (Palmeiras), Ricardo Rocha (Santos) e Roberto Carlos (Palmeiras); César Sampaio (Palmeiras), Djalminha (Guarani) e Roberto Cavalo (Vitória); Edmundo (Palmeiras), Alex Alves (Vitória) e Rivaldo (Corinthians).

Bola de Ouro: César Sampaio (Palmeiras)

Artilheiro: Guga (Santos)

1994

Ronaldo (Corinthians), Pavão (São Paulo), Cléber (Palmeiras), Jorge Luís (Guarani) e Roberto Carlos (Palmeiras); Zé Elias (Corinthians), Zinho (Palmeiras) e Rivaldo (Palmeiras); Amoroso (Guarani), Marcelinho (Corinthians) e Luizão (Guarani).

Bola de Ouro: Amoroso (Guarani)

Artilheiros: Túlio (Botafogo) e Amoroso (Guarani)

1995

Wagner (Botafogo), Zé Maria (Portuguesa), Gamarra (Internacional), Andrei (Juventude) e Marcos Adriano (Santos); Leandro (Botafogo), Jamelli (Santos) e Giovanni (Santos); Donizete (Botafogo), Túlio (Botafogo) e Renato Gaúcho (Fluminense).

Bola de Ouro: Giovanni (Santos)

Artilheiro: Túlio (Botafogo)

1996

Dida (Cruzeiro), Alberto (Atlético-PR), Gamarra (Internacional), Adílson (Grêmio) e Zé Roberto (Portuguesa); Ricardinho (Cruzeiro), Goiano (Grêmio), Djalminha (Palmeiras) e Rodrigo Fabri (Portuguesa); Paulo Nunes (Grêmio) e Renaldo (Atlético-MG).

Bola de Ouro: Djalminha (Palmeiras)

Artilheiros: Paulo Nunes (Grêmio) e Renaldo (Atlético-MG)

1997

Carlos Germano (Vasco), Zé Carlos (São Paulo), Júnior Baiano (Flamengo), Mauro Galvão (Vasco) e Dedê (Atlético MG); Doriva (Atlético MG), Fernando (Internacional), Zinho (Palmeiras) e Rodrigo Fabri (Portuguesa); Edmundo (Vasco) e Müller (Santos).

Bola de Ouro: Edmundo (Vasco)

Artilheiro: Edmundo (Vasco)

1998

Dida (Cruzeiro), Arce (Palmeiras), Gamarra (Corinthians), Marcelo Djian (Cruzeiro) e Júnior (Palmeiras); Narciso (Santos), Vampeta (Corinthians), Jackson (Sport) e Valdo (Cruzeiro); Fábio Júnior (Cruzeiro) e Edílson (Corinthians)

Bola de Ouro: Edílson (Corinthians)

Artilheiro: Viola (Santos)

1999

Dida (Corinthians), Bruno (Atlético MG), Roque Júnior (Palmeiras), Cláudio Caçapa (Atlético MG) e Leandro (Vitória); Rincón (Corinthians), Vampeta (Corinthians), Marcelinho (Corinthians) e Belletti (Atlético MG); Marques (Atlético MG) e Guilherme (Atlético MG).

Bola de Ouro: Marcelinho (Corinthians)

Artilheiro: Guilherme (Atlético MG)

2000

Rogério Ceni (São Paulo), Arce (Palmeiras), Cris (Cruzeiro), Lúcio (Internacional) e Sorín (Cruzeiro); Mineiro (Ponte Preta), Ricardinho (Cruzeiro), Juninho Paulista (Vasco) e Juninho Pernambucano (Vasco); Romário (Vasco) e Ronaldinho Gaúcho (Grêmio).

Bola de Ouro: Romário (Vasco)

Artilheiros: Dill (Goiás), Magno Alves (Fluminense) e Romário (Vasco)

2001

Émerson (Bahia), Arce (Palmeiras), Daniel (São Caetano), Gustavo (Atlético-PR), Léo (Santos), Simão (São Caetano), Preto (Bahia), Kléberson (Atlético-PR), Roger (Fluminense), Marques (Atlético), Alex Mineiro (Atlético-PR)

Bola de Ouro: Alex Mineiro (Atlético-PR)

Artilheiro: Romário (Vasco)

2002

Diego (Juventude), Mancini (Atlético-MG), Alex (Santos), Fábio Luciano (Corinthians), Athirson (Flamengo), Tinga (Grêmio), Fábio Simplício (São Paulo), Ramón (Vasco), Kaká (São Paulo), Robinho (Santos), Gil (Corinthians)

Bola de Ouro: Kaká (São Paulo)

Artilheiros: Rodrigo Fabri (Grêmio) e Luís Fabiano (São Paulo)

2003

Rogério Ceni (São Paulo), Maurinho (Cruzeiro), Alex (Santos), Fabão (Goiás), Léo (Santos), Maldonado (Cruzeiro), Renato (Santos), Alex (Cruzeiro), Marcelinho Carioca (Vasco), Grafite (Goiás) e Luís Fabiano (São Paulo)

Bola de Ouro: Alex (Cruzeiro)

Artilheiro: Dimba (Goiás)

2004

Rogério Ceni (São Paulo), Paulo Baier (Goiás), Lugano (São Paulo), Rodrigo (São Paulo), Léo (Santos), Mineiro (São Caetano), Magrão (Palmeiras), Petkovic (Vasco), Ricardinho (Santos), Robinho (Santos) e Washington (Atlético-PR)

Bola de Ouro: Robinho (Santos)

Artilheiro: Washington (Atlético-PR)

2005

Fábio Costa (Corinthians), Cicinho (São Paulo), Lugano (São Paulo), Gamarra (Palmeiras), Jadílson (Goiás), Mineiro (São Paulo), Marcelo Mattos (Corinthians), Petkovic (Fluminense), Juninho Paulista (Palmeiras), Tevez (Corinthians) e Rafael Sóbis (Internacional)

Bola de Ouro: Tevez (Corinthians)

Artilheiro: Romário (Vasco)

2006

Rogério Ceni (São Paulo), Ilsinho (São Paulo), Fabão (São Paulo), Índio (Internacional) e Kléber (Santos); Lucas (Grêmio), Mineiro (São Paulo), Wagner (Cruzeiro) e Zé Roberto (Botafogo); Fernandão (Internacional) e Aloísio (São Paulo)

Bola de Ouro: Lucas (Grêmio)

Artilheiro: Souza (Goiás)

2007

Rogério Ceni (São Paulo), Leonardo Moura (Flamengo), Breno (São Paulo), Thiago Silva (Fluminense) e Kléber (Santos); Richarlyson (São Paulo), Hernanes (São Paulo), Thiago Neves (Fluminense) e Valdívia (Palmeiras); Leandro Amaral (Vasco) e Acosta (Náutico)

Bola de Ouro: Thiago Neves (Fluminense)

Artilheiro: Josiel (Paraná)

2008

Rogério Ceni (São Paulo), Vítor (Goiás), André Dias (São Paulo), Miranda (São Paulo) e Juan (Flamengo); Hernanes (São Paulo), Ramirez (Cruzeiro), Tcheco (Grêmio) e Wagner (Cruzeiro); Borges (São Paulo) e Nilmar (Internacional)

Bola de Ouro: Rogério Ceni (São Paulo)

Artilheiros: Keirrison (Coritiba), Washington (Fluminense) e Kleber Pereira (Santos)

2009

Victor (Grêmio), Jonathan (Cruzeiro), André Dias (São Paulo), Miranda (São Paulo) e Kléber (Internacional); Pierre (Palmeiras), Guiñazú (Internacional), Petkovic (Flamengo) e Marcelinho Paraíba (Coritiba); Adriano (Flamengo) e Diego Tardelli (Atlético-MG)

Bola de Ouro: Adriano (Flamengo)

Artilheiros: Adriano (Flamengo) e Diego Tardelli (Atlético-MG)

2010

Fábio (Cruzeiro), Mariano (Fluminense), Alex Silva (São Paulo), Chicão (Corinthians) e Roberto Carlos (Corinthians); Elias (Corinthians), Jucilei (Corinthians), Conca (Fluminense) e Montillo (Cruzeiro); Jonas (Grêmio) e Neymar (Santos)

Bola de Ouro: Conca (Fluminense)

Artilheiro: Jonas (Grêmio)

2011

Fernando Prass (Vasco), Mário Fernandes (Grêmio), Dedé (Vasco), Paulo André (Corinthians) e Juninho (Vasco); Marcos Assunção (Palmeiras), Paulinho (Corinthians), Ronaldinho Gaúcho (Flamengo) e Montillo (Cruzeiro); Neymar (Santos) e Fred (Fluminense)

Bola de Ouro: Neymar (Santos)

Artilheiros: Borges (Santos)

2012

Diego Cavalieri (Fluminense), Marcos Rocha (Atlético-MG), Réver (Atlético-MG) e Carlinhos (Fluminense); Ralf (Corinthians), Paulinho (Corinthians), Zé Roberto (Grêmio) e Ronaldinho Gaúcho (Atlético-MG); Lucas (São Paulo) e Fred (Fluminense)

Bola de Ouro: Ronaldinho Gaúcho (Atlético-MG)

Artilheiro: Fred (Fluminense)

Hors Concours: Neymar (Santos)

2013

Fábio (Cruzeiro), Mayke (Cruzeiro), Dedé (Cruzeiro), Rodrigo (Goiás) e Alex Telles (Grêmio); Elias (Flamengo), Nilton (Cruzeiro), Seedorf (Botafogo) e Éverton Ribeiro (Cruzeiro); Diego Tardelli (Atlético-MG) e Walter (Goiás)

Bola de Ouro: Éverton Ribeiro (Cruzeiro)

Artilheiro: Éderson (Atlético-PR)

Revelação: Bernard (Atlético-MG)

2014

Marcelo Grohe (Grêmio), Marcos Rocha (Atlético-MG), Gil (Corinthians), Rafael Tolói (São Paulo) e Zé Roberto (Grêmio); Aránguiz (Internacional), Lucas Silva (Cruzeiro), Ricardo Goulart (Cruzeiro) e Paulo Henrique Ganso (São Paulo); Diego Tardelli (Atlético-MG) e Guerrero (Corinthians)

Bola de Ouro: Ricardo Goulart (Cruzeiro)

Artilheiro: Fred (Fluminense)

2015

Marcelo Grohe (Grêmio), Rafael Galhardo (Grêmio), Gil (Corinthians), Geromel (Grêmio) e Douglas Santos (Atlético-MG); Elias (Corinthians), Rafael Carioca (Atlético-MG), Renato Augusto (Corinthians) e Jadson (Corinthians); Luan (Grêmio) e Lucas Pratto (Atlético-MG)

Bola de Ouro: Renato Augusto (Corinthians)

Conjunto da obra: Rogério Ceni (São Paulo)

Artilheiro: Ricardo Oliveira (Santos)

Revelação: Gabriel (Santos)

2016

Jailson (Palmeiras), Jean (Palmeiras), Geromel (Grêmio), Réver (Flamengo) e Fábio Santos (Atlético-MG); Willian Arão (Flamengo), Tchê Tchê (Palmeiras) e Moisés (Palmeiras); Dudu (Palmeiras), Robinho (Atlético-MG) e Gabriel Jesus (Palmeiras)

Bola de Ouro: Gabriel Jesus (Palmeiras)

Artilheiros: Fred (Atlético-MG), William Pottker (Ponte Preta) e Diego Souza (Sport)

2017

Vanderlei (Santos), Fagner (Corinthians), Geromel (Grêmio), Balbuena (Corinthians) e Thiago Carleto (Coritiba); Michel (Grêmio), Hernanes (São Paulo), Luan (Grêmio) e Thiago Neves (Cruzeiro); Dudu (Palmeiras) e Jô (Corinthians)

Bola de Ouro: Jô (Corinthians)

Artilheiros: Jô (Corinthians) e Henrique Dourado (Fluminense)

*Os jogadores que recebem a Bola de Ouro não recebem a Bola de Prata do mesmo ano.

*A Bola de Prata começou em 1970, quando foi disputada pela última vez a Taça de Prata.

*A Bola de Ouro foi entregue pela primeira vez em 1973.

*Os artilheiros começaram a ser premiados em 1975.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.