Possível volta ao banco de reservas do Santos não diminui entusiasmo de Tailson

Os retornos do venezuelano Soteldo e do paraguaio Derlis González devem levar o garoto Tailson de volta ao banco de reservas do Santos na partida desta quinta-feira, contra o Ceará, às 19h15, na Vila Belmiro, pela 26.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Mas isso não é encarado como um problema pelo jovem de 20 anos.

"São dois jogadores de muita qualidade, não é à toa que são sempre convocados para as sua seleções. Com certeza a concorrência aumentou bastante, mas estou à disposição do (técnico Jorge) Sampaoli. Se ele quiser me utilizar, estarei sempre pronto para ajudar da melhor maneira possível", afirmou o atacante, autor de um gol na vitória sobre o Vasco, no último dia 5, em São Januário, e que teve bom desempenho contra Palmeiras e Internacional.

Apesar das boas apresentações, o camisa 39 admitiu que tem muita coisa para melhorar em seu futebol. "Fisicamente acredito que ainda não estou 100%, mas a cabeça está boa e me sinto bem. Acredito que ainda preciso fazer alguns ajustes físicos, mas aos poucos estou pegando ritmo para melhorar cada vez mais", disse o atleta, em declarações reproduzidas nesta terça-feira pelo site oficial do Santos.

Tailson revelou um sonho, que espera realizar nas próxima rodadas. "Estrear com essa camisa e anotar um gol na Vila Belmiro são sonhos que todos os meninos têm quando sobem para a equipe profissional. O primeiro foi eu já consegui realizar, agora vou batalhar bastante para alcançar o segundo", projetou o atacante

O Santos é o terceiro colocado no Brasileiro, com 48 pontos, dez a menos que o líder Flamengo e está a apenas dois do segundo colocado Palmeiras. A equipe de Sampaoli soma 14 vitórias, seis empates e cinco derrotas em sua campanha.