Logo R7.com
Logo do PlayPlus
BRASILEIRO 2022
Publicidade

Nova Iguaçu vence o Vitória e conquista classificação inédita na Copa do Brasil

Laranja Mecânica venceu por 2 a 0 no Laranjão e eliminou o Leão, que continua em má fase no início de temporada

Futebol|Do Live Futebol BR

Jogadores do Nova Iguaçu antes de partida pela Copa do Brasil
Jogadores do Nova Iguaçu antes de partida pela Copa do Brasil Jogadores do Nova Iguaçu antes de partida pela Copa do Brasil

Pela primeira vez em quase 33 anos de história, o Nova Iguaçu está na segunda fase da Copa do Brasil. Nesta quarta-feira (1), a Laranja Mecânica recebeu o Vitória no Laranjão, foi superior ao adversário e venceu por 2 a 0 com gols de Léo Índio e Márcio Duarte, ambos no segundo tempo.

O adversário do Nova Iguaçu na próxima fase será o Nova Mutum, do Mato Grosso, que também eliminou um favorito ao vencer o Londrina por 4 a 2 na última quarta-feira (22). A Laranja Mecânica ainda tem mais duas rodadas no Campeonato Carioca para garantir a classificação à Taça Rio, disputada pelos quatro times abaixo do G4.

Do outro lado, o Vitória está eliminado da competição nacional, apesar de ter jogado pelo empate, e continua em crise neste início de temporada. O Leão caiu mais uma vez na primeira fase do Campeonato Baiano, ainda não venceu na fase de grupos da Copa do Nordeste e, no total da temporada, venceu apenas cinco dos 17 jogos que disputou.

Leia também

Os gols só saíram no segundo tempo. Aos 21 minutos, Luã Lúcio invadiu a área, finalizou em cima da defesa e o árbitro viu toque de mão do lateral Railan. Na cobrança, Léo Índio deslocou o goleiro Lucas Arcanjo e abriu o placar para o Nova Iguaçu.

Publicidade

Mesmo em vantagem, o time da casa seguiu atacando e encaminhou a classificação aos 37 minutos com Márcio Duarte. O lateral, que saiu do banco no segundo tempo, recebeu na área, dominou a bola no peito e finalizou para fazer 2 a 0 no Laranjão, fechando o placar. Cabia mais, mas Lucas Arcanjo fez grande defesa em finalização de Léo Índio nos acréscimos.

NOVA IGUAÇU: Anderson Max; Bolt, Gabriel Pinheiro, Michel e Bruninho (Márcio Duarte); Léo Índio, Paulo Henrique (Gustavo Nicola) e Ícaro (Breno); Andrey (Gabriel Luiz), Léo Bala e Luã Lúcio (Ewerton). Técnico: Carlos Vitor

VITÓRIA: Lucas Arcanjo; Zeca, Dankler, Camutanga e Guilherme Lazaroni (Railan); Léo Gomes, Eduardo, Thiago Lopes (Wellington Nem) e Gegê (Diego Torres); Radinha (Osvaldo) e Léo Gamalho (Tréllez). Técnico: Léo Condé

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.